Nuno Manta: «O objetivo principal era passar e estamos de parabéns»

Técnico assumiu que a exibição, em termos qualitativos, não foi a melhor, mas salientou a meta alcançada

• Foto: José Gageiro / Movephoto

A vitória do Marítimo no terreno do Leixões, por 2-1, na tarde deste sábado, catapultou a formação insular para a fase de grupos da Taça da Liga. No final do encontro, Nuno Manta assumiu que a qualidade da exibição, em termos de futebol jogado, não foi a melhor, mas destacou o comportamento dos jogadores e, acima de tudo, o objetivo alcançado.

"Sabíamos que ia ser um jogo extremamente complicado, sabíamos disso e preparámo-nos para isso. O objetivo principal era passar e esse foi alcançado. Jogar bem ou mal é pouco relevante, às vezes. Daqui a 2 meses ninguém se lembra se se jogou bem ou mal. Os jogadores estão de parabéns por isso, pelo objetivo. Obviamente que daqui para a frente queremos consolidar a qualidade de jogo, mas hoje não foi possível. Ou porque a decisão não foi a melhor, ou porque o passe não saía bem. Seja como for, há que realçar a capacidade mental que a equipa teve a perder. A perder 1-0, com um penálti contra, conseguimos dar a volta ainda na 1ª parte. Sabiamos que o leixões ia voltar com tudo na 2ª parte e respeitámos o adversário. O Leixões teve mais futebol, mais oportunidades, mas a minha equipa esteve bem organizada e está de parabéns", apontou.

Por Pedro Morais
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Marítimo

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.