Paulo César Gusmão quer devolver clube à Europa

Chegou esta quarta-feira à Madeira

• Foto: Hélder Santos

Paulo César Gusmão, de 54 anos, chegou esta quarta-feira à noite à Madeira, ao lado do presidente Carlos Pereira e prometeu nestes dias que estará na ilha (até 6 de junho) avaliar e conhecer tudo sobre o Marítimo, de forma a poder devolver os verde-rubros à Europa. Assinou contrato por uma temporada, com mais uma de opção. Tudo fácil de acertar face à vontade de vir para esta etapa europeia. E à chegada, o brasileiro explicou o porquê da sua vinda para Portugal: "Era uma ambição profissional minha vir para a Europa. Houve o convite do presidente, havendo alguns contatos anteriores quando eu estava no Cruzeiro e ele esteve no Brasil, trocámos ideias sobre futebol e jogadores que já passaram por aqui. Quando me ligou o acordo foi imediato, não havendo negociação. Espero ter muito sucesso no Marítimo como outros treinadores brasileiros tiveram". O seu sim foi imediato conforme revelou: "Já vínhamos conversando em anos passados. Só que faltava uma oportunidade e hoje ela surgiu, pois o clube estava sem treinador e eu querendo abraçar este projeto. Tinha outras propostas do futebol asiático, mas assim que surgiu o convite, foi bom para os dois lados".

Quanto a metas, o técnico foi claro: "O principal objetivo é colocar de novo o Marítimo num lugar Europeu. Vou precisar dos meus adjuntos, principalmente, os locais, para me ajudarem face a esta nova cultura e um novo futebol, para que possamos obter êxito num futuro bem próximo". Depois, afirmou que conhece algo sobre o seu emblema: "Sempre acompanho o futebol português. O Marítimo é um clube que abre muito as portas aos brasileiros, não só treinadores, mas também jogadores. Espero que possamos ter sucesso".

"Prometo intensidade e paixão"

O treinador brasileiro prometeu aos adeptos muita paixão. "Prometo muito trabalho, intensidade, paixão, pois o futebol sem isso, não consegue atingir as metas traçadas. Vamos conhecer a cultura do clube, por isso estou a chegar hoje e vamos ter um primeiro contato com a equipa técnica local. Vamos ver jogos, avaliar os jogadores, para podermos então procurar novos valores quer no mercado nacional e internacional, de forma a fazer uma equipa equilibrada em todos os setores e competitiva", disse. Quanto a reforços:"prefiro os que vem para cumprir o que o futebol moderno. Vamos avaliar e depois procurar as peças certas". Sobre a vinda de um homem da sua confiança como adjunto: "vamos conversar e depois veremos quem fará parte da comissão técnica".

Três reforços para avaliar

Neste dias que estará na Madeira, PC Gusmão terá já uma missão: avaliar 3 reforços apalavrados. Quem revelou esta situação foi o presidente Carlos Pereira: "Já temos 3 jogadores contratados e o técnico vai avaliar, mas acredito que serão mais valias para o plantel. Se por acaso não o satisfizerem, então, não iremos concluir a sua contratação. Depois logo se verá quem mais vamos contratar". Sobre a equipa técnica: "O Zé Manuel vai continuar como treinador de guarda-redes. Após uma conversa com o treinador, logo veremos quem vai compor a restante equipa técnica". Sobre a sua aposta, o líder verde-rubro mostrou-se esperançado no regresso aos bons resultados: "Após 3 épocas menos bem sucedidas em termos de classificação, embora tenhamos estado em duas finais da Taça da Liga, está na altura de voltar a apostar numa equipa vencedora. Temos um estádio novo e por isso queremos voltar apostar na qualidade e num regresso às competições europeias".

Por João Manuel Fernandes
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Marítimo

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.