Roberto lidera ataque à pesca de uma surpresa

Dianteiro está a dar dimensão ao ataque

• Foto: Simão Freitas

O treinador Augusto Inácio está ciente da reduzida probabilidade de sucesso do Moreirense no seu duelo frente ao Benfica, mas não quer abdicar do prestígio e motivação acrescida que um potencial triunfo, e consequente apuramento para a final da Taça CTT, pode conferir ao plantel. Sendo assim, já afastou a ideia de poupar jogadores com o argumento de manter o foco no campeonato.

Por esse motivo, o técnico deverá reforçar a sua confiança na mesma estrutura que bateu o FC Porto pela margem mínima na última jornada da fase de grupos da competição, apesar do dilema que se levanta pela proximidade do duelo com o Feirense, um rival direto pela permanência, que se realiza já na segunda-feira, caso os cónegos sejam eliminado pelo Benfica. Uma partida que Inácio considerou fundamental para consolidar a recuperação do Moreirense na classificação, dado que o percurso no campeonato tem um peso superior ao das restantes competições.

De qualquer forma, nesta altura, Inácio não parece inclinado a realizar poupanças radicais, acreditando nas suas principais unidades e dando novamente oportunidade a Roberto de repetir o triunfo que selou contra as águias, ao serviço do Arouca.

O avançado, de 28 anos, foi um dos protagonistas em Paços de Ferreira, na última jornada, e é, a par do benfiquista Jonas e do bracarense Rui Fonte , o 2º melhor marcador da Taça CTT, com dois golos em dois jogos. O Moreirense precisa da sua inspiração.

Mercado inesperado

Francisco Geraldes e Podence estão de regresso a Alvalade e colocam o Moreirense numa posição inesperada que força o presidente Vítor Magalhães e o treinador Augusto Inácio a recorrerem ao mercado de inverno para colmatar uma dupla saída com reflexos na estrutura titular.

Uma corrida contra o tempo, atendendo a que o fecho das inscrições é já na próxima semana e que a cúpula da SAD não tinha intenções de dotar o plantel com mais soluções. Uma estratégia que está relacionada não só com o rigor orçamental definido por Vítor Magalhães, mas também pela vontade de Augusto Inácio em adquirir apenas jogadores com disponibilidade física para entrar na equipa imediatamente.

Recorde-se que o Moreirense já garantiu os serviços do médio Fernando Alexandre. O empréstimo do extremo Alex, do Vitória de Guimarães, está muito perto de ser oficializado.

Por Bruno Freitas
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Moreirense

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0