Costinha: «Não olharam se era ou não amigo do Jorge Mendes»

Treinador rejubila com o título na 2ª Liga

• Foto: Lusa

Costinha não cabia em si de contente, depois do triunfo do Nacional em Arouca que deu o título da 2ª Liga aos madeirenses.

Confiança
"[Estou] Extremamente feliz. Acima de tudo porque a confiança que o presidente Rui Alves, Gustavo Rodrigues [vice-presidente do futebol] e Saturnino [diretor de comunicação], porque a primeira vez que falaram comigo foi importante, foi forte. Três pessoas que ficam ligadas a este título porque acreditaram neste treinador. Não olharam se era ou não amigo do Jorge Mendes, foram buscar o treinador pela sua competência e fico feliz por devolver a confiança a estas pessoas."

Memórias
"Há 21 anos subi como jogador do Nacional, na altura perdi o título para o Maia, e hoje, como treinador, consigo chegar a campeão com o Nacional. Os meus atletas tiveram um percurso difícil, intenso, não era uma tarefa fácil, mas a mentalidade e a forma como se dedicaram ao trabalho, transmitia a ideia de que no final do campeonato podíamos estar a festejar como festejámos hoje."

O jogo
"A equipa entrou bem, muito forte, o Arouca teve poucas oportunidades de golo, nós tivemos diversas. Foi a forma como os jogadores saíram da cabina, estavam focados, contentes por subir de divisão, mas queriam agregar à subida o título de campeão nacional."

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Nacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.