Manuel Machado elogia Moreirense mas quer vencer

Adversário ainda não garantiu manutenção

• Foto: Lusa

O treinador do Nacional, Manuel Machado, considerou este sábado que a receção de domingo ao Moreirense (16 horas), da 31.ª jornada da Liga NOS "é mais importante para o adversário, do que para o Nacional".

Na conferência de imprensa de antevisão ao jogo, Manuel Machado lembrou que a equipa de Moreira de Cónegos "ainda não conseguiu a manutenção".

Para o treinador dos alvinegros, "há de facto uma diferença", já, que, segundo mencionou, "o Moreirense ainda não conseguiu os pontos necessários para manter-se na primeira Liga", sendo isso um problema da equipa de Moreira de Cónegos.

"Para nós, está no horizonte ganharmos e conseguirmos os três pontos que estão em disputa", afirmou Manuel Machado.

Manuel Machado fez questão de elogiar o Moreirense, por ter sido no clube minhoto onde conseguiu lançar a carreira no mais alto patamar do futebol português.

"O Moreirense é, para mim, uma equipa muito especial, de quem sou sócio, com as quotas em dia, desde o momento em que lá trabalhei. Foi ainda o clube onde me lancei para o mais alto patamar do futebol em Portugal e onde conquistei dois títulos, um na 2.ª Divisão e o outro na 2.ª Liga", destacou.

Entre os muitos elogios ao adversário do Nacional, lembrou que estes "têm um plantel formado por jogadores de grande qualidade, apesar de ser de uma região onde vivem apenas cinco cinco mil pessoas".

"Esperemos que o Moreirense não consiga concretizar no domingo esse seu propósito, uma vez que nós queremos ganhar. Será, com toda a certeza, um jogo muito difícil, porque o Moreirense pretende consolidar a manutenção, mas nós também temos os nossos objetivos e queremos conquistar a vitória", lembrou.

Para o técnico da formação da Choupana, apesar das derrotas sofridas nos dois últimos jogos fora da casa, com Marítimo (2-0) e FC Porto (4-0), a sua equipa "vive o melhor período da época".

"Nós temos motivações neste jogo, porque há ainda uma competição interna, que para os associados dos clubes regionais também é muito importante. Temos uma pequena vantagem sobre o Marítimo, que é o adversário da Madeira e que nos está mais próximo. Para além disso, falei com os meus jogadores e disse-lhes que não é o mesmo nos classificarmos no oitavo lugar do que no 12.º", observou.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Nacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.