Diogo Jota: «Temporada superior ao que esperava»

Avançado recebeu prémio de 'Jovem Jogador' do mês de março

• Foto: Carlos Gonçalves

Diogo Jota reconheceu esta quarta-feira que a sua prestação pelo P. Ferreira na presente temporada está a ser "claramente superior" às expetativas, a começar pelo número de golos (12) obtidos na Liga NOS. O avançado, de 19 anos, falou à comunicação social após a breve cerimónia em que foi distinguido como Melhor Jovem Jogador da Liga no mês de março

"Esta temporada está a ser claramente superior ao que esperava inicialmente. No início da época, não pensava ser hoje o jogador mais utilizado da equipa no campeonato ou receber este prémio. Propus-me somente chegar à marca dos 10 golos e, felizmente, superei esse registo", disse Diogo Jota.

Repetente nesta distinção, depois de ter ganho o mesmo galardão em outubro/novembro, o avançado pacense está ainda nomeado para Revelação do Ano pela a Associação de Jornalistas do Desporto (CNID).

"É sempre gratificante ser reconhecido, mas quero destacar a equipa, pois, embora o prémio seja individual, sem um coletivo forte isto não seria possível", afirmou, com o troféu nas mãos, entregue por João Paulo Ribeiro, delegado do SJPF.

Formado na equipa pacense, Jota é o jogador mais utilizado pelo técnico Jorge Simão no campeonato, com 2.608 minutos, destacado de Hélder Lopes, segundo, com 2.450, e soma 12 golos na prova, menos dois do que Bruno Moreira, que também é o terceiro elemento mais utilizado do plantel (2.095).

"Os lugares europeus estão próximos, mas não vamos perder o foco dos 48 pontos. Faltam-nos três pontos e ainda há três jogos para disputar [Belenenses e V. Setúbal, fora, e o Tondela, em casa]. Depois se vê", sublinhou.

Agenciado por Jorge Mendes, Jota assinou contrato pelo Atlético de Madrid, de Espanha, mas, sobre este assunto, contornou as questões. "Foi tudo muito rápido e não deu para ver nada", frisou. E, para dar o tema por encerrado, adiantou não ser "pessoa de pensar demasiado no futuro". "Sinceramente, ainda não programei a próxima época", rematou.

Diogo Jota justificou esta indefinição com o desejo de marcar presença nos Jogos Olímpicos Rio'2016, o que, a confirmar-se, vai afetar a preparação para a nova época. "Espero voltar a ser chamado por Rui Jorge para a equipa que vai aos Jogos Olímpicos e, depois, lutar por uma vaga nos finalistas", concluiu.

Por Lusa
1
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de P. Ferreira

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.