Pepa: «Não podemos pensar que isto está resolvido»

Técnico do P. Ferreira cauteloso após triunfo diante do Aves

• Foto: Hélder Santos

O Paços de Ferreira somou este domingo o segundo triunfo consecutivo na Liga NOS ao vencer por 3-1 na visita ao Aves e os castores têm agora seis pontos de vantagem face à zona de despromoção. No final da partida Pepa enalteceu a atitude dos seus jogadores frente a um adversário direto na luta pela permanência e agradeceu o apoio dos adeptos do P. Ferreira.  

"Foi um jogo muito importante e difícil. Quero começar por realçar os jogadores, que tiveram nervos de aço, personalidade e caráter. Quando assentámos o jogo na segunda parte, a qualidade veio ao de cima. Deixo também uma palavra para os adeptos. Sei que a deslocação é curta, mas estiveram à chuva durante grande parte do jogo e sempre a incentivar. Admito que precisamos muito da ajuda deles, daí o meu agradecimento. Estamos juntos nesta batalha", disse o técnico pacense em conferência de imprensa.

"Sem ser contra a corrente do jogo, não temos problemas em dizer que o nosso primeiro golo foi um balde de água fria para o Aves. O Aves começou por estar melhor na segunda bola, enquanto nós tivemos dificuldades no controlo da profundidade. Fizemos um grande golo, mas também fomos infelizes na forma como sofremos e isto só acontece a quem está lá dentro. Na 2.ª parte entrámos a pressionar mais e com mais bola. Sentimos a equipa muito mais subida e jogámos muito mais para a frente. A partir do 2-1, houve uma diferença muito grande, para melhor, no controlo do jogo. Sentimo-nos confortáveis e podiam ter surgido mais golos, o que seria injusto para aquilo que o Aves fez", acrescentou Pepa.

Trabalhar sobre vitórias 

"Não podemos andar ao sabor do vento. A cara é outra e a semana é diferente em termos anímicos, mas os jogadores e a equipa técnica são os mesmos. Não gosto da palavra sorte, acredito muito no trabalho e por vezes há situações em que somos infelizes."

Equipa mais tranquila

"Não podemos agora pensar que isto está resolvido. Temos um longo caminho pela frente e acredito muito que vamos subir na tabela. Ainda estamos longe do que pretendíamos, mas o caminho é este e não meter a cabeça na areia quando as coisas correm mal. Hoje, foi muito importante porque derrotámos um adversário direto nesta altura e aumentámos a distância. Mais do que olharmos só para baixo, é talvez a primeira vez em que podemos começar a olhar para cima e tranquilizar a equipa na classificação".

1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de P. Ferreira

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.