Pepa perspetiva "um grande jogo" entre P. Ferreira e Famalicão

Treinador do P. Ferreira na antevisão ao jogo de sexta-feira, na abertura da 8ª jornada

O treinador do P. Ferreira disse esta quinta-feira acreditar que a receção ao Famalicão, equipa à qual não poupou elogios, "tem tudo para ser um grande jogo", sexta-feira, na abertura da 8ª jornada da Liga NOS.

"São duas equipas com formas de jogar diferentes, em que a fase de construção/criação é diferente, mas têm algo semelhante: vai ser um jogo fácil de identificar, porque podemos colocar as duas equipas a preto e branco e conseguimos saber que uma é o Paços e a outra é o Famalicão. E, perceber, dessa forma fácil, qual a equipa que está ali, é um elogio tremendo", disse Pepa, em conferência de imprensa.

O técnico reconheceu o bom momento do Paços, satisfeito com a sustentabilidade proporcionada pela forma como a equipa joga e trabalha, mas garantiu que ninguém no plantel se coloca em bicos de pés, e apontou baterias ao adversário de sexta-feira, considerando que "o Famalicão tem muita qualidade e é fácil de analisar, mas muito difícil de anular".

"Tem uma equipa jovem e perdeu muitos jogadores, mas, em termos de individualidades, continua com um plantel fortíssimo. Mais do que isso, já recuperaram resultados em Faro, como contra o Boavista, em casa, e isso num curto espaço de tempo é sinónimo de muita alma, muita entrega, muita raça e um acreditar tremendo. Há que tirar o chapéu e dar os parabéns à estrutura, à equipa técnica, ao clube, porque estão a enraizar em quem chega este tipo de valores", sublinhou.

Pepa insistiu nos elogios, numa referência agora mais direta ao colega João Pedro Sousa, pelo que disse ser "o 'upgrade' na forma de jogar" do Famalicão 2020/21.

"Tanto com o Dyego Sousa, como com o Marcello Trotta, ou com quem jogar a ponta, tem um futebol mais direto quando necessita. Tem um central de pé esquerdo, o Babic, que facilita muito até na fase de construção, o que é difícil de encontrar com um nível alto de qualidade. A própria linha de três, com o Gustavo, tem essas características, os próprios interiores, tanto o Joaquín Pereyra como o Iván Jaime são muito jovens, mas têm uma qualidade técnica individual acima da média", analisou.

E, depois, ainda há o coletivo do Famalicão, acrescentou Pepa, contrapondo "um Paços forte, capaz e a atravessar um bom momento", fatores que o levaram a repetir que estão reunidas as condições para se assistir a "um grande jogo".

Na classificação, o P. Ferreira ocupa o 10.º lugar, com oito pontos, menos um do que o Famalicão, que é nono e tem mais um jogo disputado.

O confronto entre as duas equipas está marcado para o estádio Capital do Móvel, na sexta-feira, às 19:00, e terá arbitragem de João Bento, da associação de Santarém.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de P. Ferreira

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.