Presidente da AG do Paços de Ferreira diz que sócios podem votar em segurança

Reeleição em lista única do atual presidente

• Foto: Carlos Gonçalves

O presidente da Assembleia-Geral (AG) do Paços de Ferreira assegurou "todas as condições" para os sócios do clube da Liga NOS votarem em segurança, no sábado, para a reeleição em lista única do atual presidente.

Joaquim Ferreira disse estar à espera de "uma grande adesão", apesar de "ser menos motivador para os sócios a lista única", e destacou os cuidados colocados na escolha do local, de modo a garantir uma AG eleitoral segura.

"Tínhamos várias hipóteses, mas vamos utilizar uma zona junto à Porta 4, na bancada central nova. É um local coberto, arejado e ventilado, com parque. Se houver afluência, as pessoas podem aguardar a sua vez com o distanciamento social necessário, de acordo com todas as regras da Direção-Geral da Saúde (DGS)", explicou o presidente da AG pacense, em declarações à agência Lusa.

Na lista única que se apresenta a eleições, o presidente Paulo Meneses repete a mesma equipa, mantendo-se, nomeadamente, Joaquim Ferreira à frente da AG e Carlos Alves como responsável do Conselho Fiscal, todos eles "identificados pelo mesmo conceito de clube".

"O Paços de Ferreira é um clube dos sócios, sendo essa uma situação quase única. Somos um clube pequeno, que luta com dificuldades, mas o futebol é paixão e deve ser dos sócios, sendo esse um dos nossos conceitos de clube. Para mim os projetos com investidores externos resultam quando as coisas estão positivas", afirmou Joaquim Ferreira.

O crescimento sustentado do clube sustenta a opção pela Sociedade Desportiva Unipessoal por Quotas (SDUQ), regime jurídico alternativo à Sociedade Anónima Desportiva (SAD) e que é rejeitado pelo elenco diretivo pacense.

Paulo Meneses, que volta a encabeçar a lista, avança para o quarto mandato na liderança do Paços de Ferreira, assumindo-se como o presidente há mais anos em funções no emblema pacense, bem distante das épocas em que arranjar uma direção era um problema que demorava a resolver.

"A estabilidade financeira que o clube tem conseguido, com mais ou menos sobressaltos, ajuda. O clube também criou estruturas e pode oferecer aos seus associados e profissionais das melhores instalações do país. Começa a sedimentar-se no topo do futebol português, contando mais de dois terços dos seus 71 anos de vida a jogar sempre na II ou I ligas. Também na massa adepta, temos hoje jovens que são apenas do Paços, sem segundo clube, e tudo ajuda", concluiu Joaquim Ferreira.

Ao "Sistema Tático", 'podcast' do jornal regional Imediato, Paulo Meneses confirmou, recentemente, a intenção de avançar com uma equipa de sub-23 na próxima época e o convite à renovação de Pepa, de quem aguarda resposta, confidenciando ainda que gostaria de "concluir definitivamente a bancada nova, construir uma torre do lado oposto e poder ter um gimnodesportivo no espaço atrás do sintético".

A AG eleitoral do Paços de Ferreira está marcada para sábado, dia 01 de maio, e decorrerá na entrada da bancada nova do estádio, junto à Porta 4, de forma ininterrupta, entre as 10:00 e as 18:00.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de P. Ferreira

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.