Fabrício procura brilhar na frente

Vítor Oliveira acredita que o brasileiro pode atingir bom rendimento no eixo do sector ofensivo

De médio-ofensivo a ponta-de-lança: a metamorfose de Fabrício, o jogador utilizado por Vítor Oliveira, treinador do Portimonense, no eixo do ataque, nos mais recentes jogos da pré-época. As lesões de Stanley (vinda da campanha anterior) e de Pires e a juventude de Rui Costa abriram espaço a uma solução que poderá não ser provisória.

"É um lugar desconhecido para mim e estou a dar o melhor para me adaptar com a rapidez possível", assinala Fabrício, que já ouviu elogios de Vítor Oliveira: o técnico adianta que o brasileiro "tem todas as condições para se afirmar como ponta-de-lança".

Na frente, "os movimentos são diferentes e estou a mudar os hábitos e a mecanizar as ações exigidas, num processo gradual", diz Fabrício, crente que poderá atingir "o rendimento que o treinador pretende e que a equipa precisa".

Com a pré-época a terminar, aproxima-se o momento da estreia na Liga NOS para a esmagadora maioria dos elementos do plantel. "Sonhávamos há muito com esta subida e agora há alguma ansiedade pela estreia mas esse nervosismo irá embora, acredito, no primeiro pontapé. Queremos estar bem diante do Boavista e dar uma alegria aos adeptos, somando uma vitória", diz Fabrício. 

Por Armando Alves
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Portimonense

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0