Nakajima prefere jogar na Europa

Ida para o Qatar parece descartada e FC Porto e clubes ingleses são fortes possibilidades

• Foto: Filipe Farinha

O extremo japonês Shoya Nakajima descartou a possibilidade de ingressar no Al Duhail, em declarações a um canal televisivo japonês. "Nesta fase da minha carreira quero continuar a jogar na Europa", referiu o jogador do Portimonense, numa aparente demonstração de que coloca, para já, os objetivos desportivos acima de um contrato milionário.

Esta relutância de Nakajima em aceitar mudar-se para o novo clube do treinador português Rui Faria (e para um futebol com pouca visibilidade a nível internacional) não garante a sua continuidade no Portimonense: o FC Porto continua atento e em Inglaterra são vários os clubes que, até ao fim da janela de mercado de inverno, podem acenar com propostas a rondar os 20 milhões de euros - Leicester, Wolverhampton e Southampton.

Resta saber se a SAD do Portimonense estará na disposição de negociar por esses valores, quando a oferta do Al Duhail poderia chegar quase ao dobro - foi aventada uma cifra na ordem dos 38 milhões de euros.

Reforços

O plantel dos alvinegros perdeu recentemente Ewerton, Manafá, Lazaroni e Felipe Macedo, os dois primeiros habituais titulares, e em breve chegarão reforços. O lateral-esquerdo Daniel Martins (Penafiel) e o trinco Estrela (Varzim) são jogadores referenciados pelos algarvios, que têm, também, vários alvos identificados no mercado brasileiro, habitual fonte de abastecimento.

Por Armando Alves
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Portimonense

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.