Paulo Sérgio e o jogo com o Nacional: «Sabemos que nos espera uma tarefa muito difícil»

Treinador do Portimonense na antevisão à partida que vai abrir a 25.ª jornada da Liga NOS

• Foto: Ricardo Nascimento

O treinador Paulo Sérgio disse esta quarta-feira que o Portimonense vai à Madeira defrontar o Nacional, na sexta-feira, "com o pensamento na conquista dos pontos", em jogo da 25.ª jornada da Liga NOS

"Entrámos num período crítico do campeonato, em que convém somar pontos, porque está tudo muito embrulhado e complicado. Uma vitória vinha mesmo num momento fantástico e é com esse pensamento que vamos à Madeira, para discutir o jogo e trazer os pontos que tanta falta nos fazem", avançou o treinador dos algarvios em conferência de imprensa.

Na antevisão à partida com o Nacional, Paulo Sérgio reconheceu que a equipa algarvia não vai ter "uma tarefa fácil, diante de uma equipa com qualidade e que joga um bom futebol".

"Sabemos que nos espera uma tarefa muito difícil, mas trabalhámos e preparámo-nos nestas duas semanas para chegar lá e discutir os pontos", sublinhou.

O técnico da equipa algarvia crê que a mudança de treinador na equipa insular -- a saída de Luís Freire e a entrada de Manuel Machado -- não "irá provocar grandes alterações em relação ao jogo que o Nacional praticava".

"Não espero grandes alterações em relação ao que o Nacional vinha fazendo. Conhecemos o que são os princípios do professor Manuel Machado, porque não é nenhum novato, e também não espero grandes alterações em relação ao que a equipa vinha fazendo", indicou.

Paulo Sérgio revelou que durante as duas semanas em que o campeonato esteve parado devido ao compromisso das seleções dos diversos países, o Portimonense trabalhou para corrigir "alguns aspetos menos positivos na equipa de forma a regressar à competição e ir à Madeira competir pelos pontos".

"Se a paragem foi benéfica, só saberemos depois do jogo. Se, por um lado, há jogadores que precisam de respirar um pouco, há outros que a perda de competição não lhes faz bem nenhum", lembrou.

O treinador disse ainda que o Portimonense vai defrontar o Nacional "com algumas baixas importantes", nomeadamente o médio Pedro Sá, ausente por ter sido foi expulso quando já estava no banco do Portimonense na jornada anterior com o FC Porto.

Ausentes estão também o defesa Fali Candé, que representou a seleção da Guiné-Bissau e que se apresentou hoje em Portimão, enquanto o médio Jafar Salmani, que esteve ao serviço da seleção do Irão, "ainda não regressou ao Algarve".

Para o treinador, as ausências de jogadores são também oportunidades para outros demonstrarem o porquê de pertencerem ao grupo, reiterando "total confiança nos escolhidos" para o confronto com o Nacional.

O Portimonense, 13.º classificado, com 23 pontos, desloca-se à Madeira para defrontar o Nacional, 16.º, com 21, em jogo da 25.ª jornada da Liga NOS, agendado para sexta-feira, às 20h30, no Estádio da Madeira.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Portimonense

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.