Paulo Sérgio: «Pessoas da Vila das Aves não merecem a vergonha que estão a passar»

Treinador do Portimonense aborda o caso do momento no futebol nacional

• Foto: Lusa/EPA

Naturalmente desapontado com o desaire sofrido na Capital do Móvel, Paulo Sérgio lamentou que os golos do Paços de Ferreira tenham surgido em lances nos quais, no seu entender, a equipa do Portimonense tenha acabado por não estar tão bem. Por outro lado, o técnico dos algarvios abordou a situação do Aves, a equipa perante a qual tem agendado o encontro da última jornada da Liga NOS.

"Oferecemos dois golos, que colocaram o Paços a jogar confortável. Jogo estava equilibrado e, quando empatámos e estávamos a fazer bem as coisas, com ponderação, sofremos um segundo golo muito consentido. Tentámos tudo, refrescando, fomos à procura, mas não tivemos a finalização. Parabéns ao Paços que fez dois golos. Demos uma boa resposta, não ao nível do que temos vindo a fazer, mas a segunda parte é toda nossa, à procura do golo da igualdade. Com muito jogo, mas não encontrámos o caminho da rede não levámos nada daqui", começou por apontar, à SportTV+.

Jogo com o Aves

"Dependemos de nós se Tondela e Vitória não somarem pontos e estamos crentes de que vamos fazer a nossa parte. Não haver jogo não me parece possível. Daria imagem negativa para o nosso futebol. Embora até disso pudéssemos beneficiar, segundo consta, não era dessa forma que queríamos ficar. Espero que haja soluções porque as pessoas da Vila das Aves não merecem a vergonha que estão a passar, muito menos os seus profissionais."

Por Pedro Morais
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Portimonense

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.