Record

Portimonense-Trofense, 2-2: De novo em festa agora com o título

MAIS DE DOIS MIL ADEPTOS CELEBRARAM O FEITO EM TERRAS ALGARVIAS

Depois da subida, o título: o Trofense fez nova festa, agora no Algarve, com mais de dois mil adeptos a vitoriarem os seus jogadores.

“É a cereja no topo do bolo”, referia o presidente do Trofense, Rui Silva. “O título fica como um marco na história do clube e da cidade. Tínhamos como meta a subida em 2 ou 3 anos, mas conseguimos lá chegar antes disso.”

Para o líder do clube, “a grande sintonia existente entre todos e o apoio incansável dos adeptos foram os grandes trunfos do Trofense”.

Rui Silva conta manter o técnico Toni. “Temos conversado e penso que vai ficar”. O treinador procurou, no entanto, fugir à questão. “Quero festejar este momento notável. Dentro de dias vamos conversar . O que posso dizer é que senti um prazer enorme em trabalhar no Trofense esta época.”

Ricardo Nascimento, uma das peças mais influentes da equipa, agradeceu “às fantásticas pessoas da Trofa e a estes dirigentes, por me terem contratado. Vim de corpo e alma e conseguimos a subida”. Pinheiro, por sua vez, enalteceu “a notável campanha da equipa, muito regular e sempre com um futebol positivo e ambicioso”.

Num jogo muito competitivo, que nem parecia de fim de época, o Portimonense foi melhor mas o empate acaba por aceitar-se. Exigia-se uma arbitragem melhor: de entre vários erros, ficaram sem punição os gestos obscenos de Valdomiro para o público.
1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Portimonense

Notícias

Notícias Mais Vistas

M