António Silva Campos: «Temos um prejuízo grande com a situação da bancada»

Presidente do Rio Ave analisou a situação do clube e o início de época

• Foto: José Reis

À margem da apresentação de uma parceria solidária entre o Rio Ave e o Projeto 24+24, António Silva Campos, presidente do conjunto de Vila do Conde, aproveitou para comentar o arranque de época do conjunto orientado por Carlos Carvalhal, traçou os objetivos do clube e falou da situação da bancada.

O líder dos vila-condenses assumiu que o facto de a bancada nascente estar inapta para utilização provoca prejuízos. "A bancada nascente nunca fui ocupada, tirando os jogos com os grandes, com o Sp. Braga e com o V. Guimarães. Depois de sair o relatório criamos outras condições, temos a bancada poente com cinco mil lugares e, exceto com os grandes, tem sido suficiente. Tivemos a experiência com o V. Guimarães e com o FC Porto e tudo correu bem. Os nossos adeptos e todas as pessoas que venham ao futebol podem ficar tranquilas, temos cá segurança. Não há o risco de haver qualquer tipo de conflito. Temos uma perda de receita e um prejuízo grande, principalmente com os grandes, mas temos de viver com a realidade. A nossa maior dificuldade agora será contra o Benfica, mas não vamos dramatizar a solução por um jogo. O futuro do Rio Ave passa por demolir a bancada e construirmos outra", afirmou.

Salientando a importância de uma vitória no jogo com o Portimonense no próximo sábado, António Silva Campos mostrou-se satisfeito com o início de época do Rio Ave: "O arranque de época está dentro das nossas projeções. Pensamos jogo a jogo, mas queremos sempre ganhar. Temos uma excelente equipa, acreditamos no valor dos nossos atletas e na nossa estrutura. Ainda falta muito campeonato, mas, analisando estes primeiros jogos, podemos dizer que temos feito um início de época muito positivo, os resultados faltam por si".

O presidente do conjunto de Vila do Conde concluiu apontando ao objetivo de chegar à Europa, mas sem grandes pressões. "Lutamos por uma boa classificação, todos sabemos quais são os nossos objetivos, mas não queremos criar pressão. Queremos ganhar jogos e, se tivermos na parte superior da tabela, lutaremos com todas as nossas forças para fazermos uma boa classificação.  Não se pode fugir da responsabilidade que o Rio Ave tem quando falamos em Europa. Temos um plantel muito forte, uma boa estrutura e somos candidatos à Europa, mas se isso não acontecer não vamos fazer um julgamento negativo da temporada. Era importante Portugal subir mais um degrau em termos de classificação da UEFA para termos mais equipas nas competições europeias", rematou.

O jogo entre Portimonense e Rio Ave, para a Taça da Liga, está agendado para sábado, às 20h30.

Por Diogo Matos
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Rio Ave

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.