Daniel Ramos: «Se empatássemos eu ia triste para casa...»

Treinador do Rio Ave fala em resultado injusto

• Foto: LUSA

O Rio Ave perdeu por 1-0 em casa do Boavista, numa partida na qual Daniel Ramos considera que os seus pupilos tudo fizeram para merecer o triunfo. Na análise à partida, o técnico dos vilacondenses diz mesmo que se tivesse conseguido o empate... teria ido triste para casa.

"Foi um grande jogo da nossa parte, do ponto de vista do controlo e do domínio. Tenho pena que o resultado não reflita aquilo que aconteceu no jogo. Se empatássemos hoje eu ia triste para casa porque era um jogo para ganhar, em função daquilo que conseguimos fazer. Produzimos oportunidades suficientes para ganhar, uma segunda parte de total controlo e tivemos seis oportunidades claras.

Por um lado, vamos tristes para casa, mas contentes pelo carácter e determinação. Com dez continuámos a ser melhores e a jogarmos assim certamente só temos de esperar para fazer golos.

Quem protesta normalmente tem sempre razão. Um árbitro está para ajuizar e tomar decisões. Acerta, erra, é o papel do árbitro. Neste processo que é o futebol, a equipa de arbitragem tem um peso grande naquilo que são momentos importantes do jogo.

Se queremos um futebol igual para todas as equipas há que analisar de igual forma todos os lances. Durante o jogo aconteceram várias coisas que nos chatearam. Ficámos tristes por isso e acho que hoje tivemos um tratamento desigual aqui.

A arbitragem tem gente muito competente. Continuo a acreditar na arbitragem e sou extremamente tolerante em relação ao erro. Chateia-me é que o arbitro não tenha critério uniforme. No jogo de hoje senti-me condicionado."

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Rio Ave

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0