Geraldes explica como tentou enganar Donnarumma: «Foi demasiado, mas só falha quem lá está»

Médio teve nos pés a possibilidade de apurar o Rio Ave mas acertou no poste

• Foto: Reuters

Francisco Geraldes não escondeu a frustração pela eliminação do Rio Ave diante do AC Milan. No desempate por penáltis o médio foi um dos três jogadores vilacondenses que podiam ter selado a passagem à fase de grupos da Liga Europa (além de Nélson Monte e Kieszek) mas atirou ao poste e, no final da partida, justificou a opção tomada.

"Eu sabia que ele [Donnarumma] pensaria que eu não ia mudar de lado, mas eu também quis ter a certeza que na eventualidade de ele não ir para o meu lado, não chegaria à bola. Foi demasiado, mas só falha quem lá está", afirmou Francisco Geraldes. "Estavam a jogar um futebol aéreo à espera que alguma coisa caísse do céu. E caiu. Tivemos que ir a penáltis, não é uma lotaria, caiu para o lado deles. Falhámos, falhei, mas só falha quem lá está, no fundo", reiterou o jogador de 25 anos.

Apesar da tristeza, Geraldes destacou a grande exibição do Rio Ave perante os italianos. "Comparar a dimensão das duas equipas é utópico. Mostrámos que estamos num caminho digno de registo. Dificilmente penso numa equipa da nossa dimensão a bater-se da mesma forma como nos batemos com o Milan. Faltam-me as palavras porque é muito inglório. Esta cidade merecia, nós merecíamos, mas o futebol é isto", lamentou.

Por Record
8
Deixe o seu comentário
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Rio Ave

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.