José Gomes: «Temos as mesmas hipóteses que o Jagiellonia»

Treinador não espera facilidades mas promete lutar pela vitória

• Foto: EPA

José Gomes, treinador do Rio Ave, fez a antevisão à partida de quinta-feira com o Jagiellonia Bialystok, na 2.ª pré-eliminatória da Liga Europa, dizendo que não espera facilidades, mas prometendo lutar pela vitória.

Mudança de processos

"Há muitas coisas que já estavam trabalhadas da época anterior e talvez de duas épocas antes, e depois claro que estamos a acrescentar algumas coisas novas em função dos novos jogadores que temos e para tirar o máximo partido deles. Assenta em tentar controlar jogo com bola e potenciar características dos jogadores que temos."

Favoritismo

"Acho que são em rigor são as mesmas hipóteses que o Jagiellonia, não há favoritos, não podemos abraçar a desculpa de que temos provavelmente nesta viagem de 20 jogadores apenas seis elementos que fizeram parte do plantel época passada. Não podemos dizer que é desculpa ou que estamos em desvantagem por isso. Vai ser uma eliminatória dura: 50/50. Eles têm essa força de terem um plantel que começou a época praticamente com os mesmos que acabaram época anterior. Não nos podemos escudar nessa realidade e dizer que temos menos possibilidades. Vamos bater-nos cara a cara e tentar vencer eliminatória. Respeitamos muito o trabalho do treinador do Jagiellonia, tem feito um trabalho notável, é uma equipa extremamente bem organizada, tem pontos fortes e fracos."

Adversário

"O Jagiellonia é fortíssimo nas transições e tira partido da força física, na disputa da bola, robustos no contacto físico, altos… Digamos que nas bolas paradas, e pela diferença média de alturas, têm alguma vantagem. Assentam jogo nos corredores, muita velocidade e dinâmica, a equipa foi bem estudada, os jogadores analisaram-na comigo. Não podemos estar à espera de resolver as coisas apenas na segunda parte da eliminatória, temos de iniciar o jogo lutando".

Pouco tempo para preparar a equipa

"Realmente não tivemos o contacto com todos os jogadores o tempo que desejamos, mas sabendo que são as circunstâncias de ser mais cedo… não nos podemos escudar nessa desculpa, que não é desculpa. O modelo de jogo está a ser bem implementado. Acho que vamos melhorando de semana para semana, de treino para treino. Já estamos a um nível considerável e para a semana seguramente mais fortes".

Por André Gonçalves
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Rio Ave

Notícias

Notícias Mais Vistas