Luís Castro quer "abrir a porta"

Antevisão do duelo com o Sp. Braga

• Foto: Lusa

"O que interessa é o presente", focou Luís Castro na antevisão do duelo com o Sp. Braga, no arranque, para estes dois clubes, da fase de grupos da Taça CTT. "É uma competição curta, de três jogos. Não tem volta. Vamos e não recebemos. O primeiro jogo dita muito do futuro das equipas na prova. Uma derrota complica muito o apuramento, o empate deixa tudo em aberto e a vitória abre muito as portas da qualificação. Vamos à procura de abrir bem a porta", assumiu o técnico.

Do que não podem restar dúvidas é de que "o Rio Ave vai fazer tudo para chegar" à ‘final-four’ no Algarve, encarando "uma dificuldade enorme" que se aplica a ambos os oponentes.

Perante um adversário que vai ter Jorge Simão no banco apenas pela 2ª vez, Castro desvaloriza a agitação recente na Pedreira: "Não é a mudança de treinador que nos faz olhar de forma diferente para o adversário. É competente e tem feito um percurso fantástico."

Lionn, Pedro Moreira e Ronan estão integrados mas ainda não devem entrar nas opções.

Por Luís Leal
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Rio Ave

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.