Pedro Amaral: «Não penso no Benfica»

Lateral-esquerdo quer jogar mais em Vila do Conde

O Rio Ave dedicou a tarde desta sexta-feira a uma visita às instalações do MADI (Movimento de Apoio ao Diminuído Intelectual), sediado em Azurara. Foi só atravessar a ponte sobre o rio para se chegar ao local.

A comitiva contou com a presença do lateral-esquerdo Pedro Amaral, de 22 anos, fruto da academia benfiquista e que na época passada esteve emprestado ao Panetolikos, da Grécia, onde participou em 16 jogos. Esta época leva 7 jogos ao serviço do Rio Ave.

"O meu pensamento nesta altura passa por jogar. O míster sabe que pode contar comigo. A mim cabe-me trabalhar e se for chamado irei dar o melhor que sei em prol do Rio Ave. Não penso no Benfica, mas sim jogo a jogo", afirmou o canhoto, procurando mais minutos, ele que tem estado ‘tapado’ por Matheus Reis.

O convívio serviu para ‘mostrar a cara’ do clube aos utentes da instituição vila-condense, não faltando as perguntas, as respostas, e distribuição de pequenas recordações pelos presentes, sempre em ambiente não só de fé clubista como também de curiosidade em determinados momentos.

O porta-voz da equipa que esteve acompanhado do ‘staff’ interno rioavista disse em determinado momento aos representantes da comunicação social presentes, em referência à deslocação de segunda-feira ao Estádio D. Afonso Henriques. "As expectativas são as mesmas de sempre: jogar para vencer e este jogo com o V. Guimarães não foge à regra", vincou.

Por Luís Leal
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Rio Ave

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.