Alerta vermelho no meio-campo

Pacheco e Kaio são as únicas opções para atuar nesse sector no jogo de sábado, em Famalicão

• Foto: Álvaro Miranda

A suspensão de Osama Rashid, que completou uma série de cinco cartões amarelos na última jornada, juntamente com a lesão de Diogo Santos e a falta de condição física de Paulo Grilo, deixou o treinador do Santa Clara apenas com dois jogadores para atuar no centro do meio-campo para a deslocação ao reduto do Famalicão, agendada para sábado.

O capitão Pacheco e o brasileiro Kaio são os únicos jogadores disponíveis para esse sector, caso Diogo Santos não consiga recuperar a tempo. Os holofotes viram-se, então, para Kaio, de 22 anos, que chegou esta temporada ao campeonato português, proveniente do Ferroviário do Brasil, já participou em oito jogos na 2ª Liga, sempre na condição de suplente utilizado. As ausências de Osama Rashid e de Diogo Santos podem abrir a porta da titularidade a Kaio, que tem vindo a melhorar o seu rendimento nos últimos jogos.

Existe ainda a possibilidade de o treinador Carlos Pinto proceder a uma alteração tática devido à ausência do médio Osama Rashid, trocando o habitual 4x4x2 por um 4x3x3.

Desta forma, Carlos Pinto poderia apostar em Kaio no lugar do jogador que está castigado, mas colocaria Minhoca ou Rúben Saldanha na função de médio organizador do ataque.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Santa Clara

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.