João Henriques: «Temos de fazer mais golos»

Técnico do Santa Clara lamenta falhas na finalização

• Foto: Lusa/EPA

O treinador do Santa Clara analisou o empate (1-1) da sua equipa na receção ao V. Setúbal, em duelo da 9.ª jornada da 1ª Liga.

João Henriques começou por "enaltecer a capacidade de sacrifício e de superação dos jogadores". "Fizemos uma viagem e chegámos aqui na terça-feira à tarde. Na quarta-feira preparámos um treino ainda meio recuperação, meio preparação para este jogo. Hoje [quinta-feira] estamos ali dentro a jogar, num campo tremendamente pesado, devido às condições climatéricas, mas o Vitória jogou na sexta-feira e nós na segunda à noite", notou.
 
O técnico de 47 anos reconheceu que o Santa Clara "entrou bem no jogo, fez o golo, e depois voltou a sentir o golo sofrido", o que obrigou a algumas retificações ao intervalo. "Conversámos e dissemos que era preciso sermos mais pragmáticos na zona de finalização, precisávamos de colocar a bola mais vezes na área, de ser uma equipa mais agressiva com e foi isso que aconteceu na segunda parte", analisou.

Apesar da exibição "em crescendo" na segunda metade, João Henriques aponta falhas na finalização e admite que o Santa Clara "merecia mais". "A equipa fez 20 remates à baliza do adversário, fez 13 remates dentro da área do adversário, temos de fazer mais golos. Aí é que é a grande lacuna, juntando também ao mérito do Makaridze, que fez uma defesa enormíssima àquele remate do Santana. No computo geral, o Santa Clara fez um jogo bom e merecia sair daqui com os três pontos, apesar de o adversário ter tido algumas ocasiões", conclui o treinador dos açorianos.

Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Santa Clara

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.