Record

Ascensão de Jaílson no regresso às vitórias

SUPLENTE MAIS UTILIZADO GANHOU FINALMENTE ESTATUTO DE TITULAR

Jaílson emergiu na última ronda da Liga (marcada pelo regresso do Sp. Braga às vitórias) como a alteração mais notória no onze de Manuel Machado, ao ocupar o lugar do artilheiro Roland Linz.

Embora convocado para todos os jogos oficiais, o avançado brasileiro começou por afirmar-se como o recurso mais frequente do banco, de onde só não saíra por três vezes. Na Liga, apenas tinha sido utilizado de início noutras três ocasiões, uma por cada técnico que orientou a equipa esta época, sendo que o seu registo como goleador nem era famoso: 1 golo na Liga, outro na UEFA e mais um Taça de Portugal. Na hora de tentar inverter a tendência negativa de resultados, Machado não hesitou em dar a titularidade a Jaílson.

Recrutado no início da época pelo Benfica aos russos do Rubin Kazan, Jaílson nem ocupou lugar na Luz, por onde passou apenas em trânsito. Impressionados com as qualidades de um dianteiro veloz e tecnicista, que assegura mais combatividade na área (em comparação com Linz), os responsáveis do Sp. Braga já manifestaram ao Benfica o interesse na aquisição do passe de Jaílson, em operação que deverá efectuar-se no final da temporada.
2
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Sp. Braga

Notícias

Notícias Mais Vistas

M