Guerreiros tiveram guarda de honra

"Honrem a cidade"

• Foto: DR Record

Um ano depois, o Sp. Braga volta ao Jamor. Os muitos autocarros que vão transportar mais de 12 mil adeptos bracarenses só arrancam no domingo, mas ontem, a meio da tarde, a equipa seguiu obviamente primeiro. Os ‘tifosi’ não se esqueceram e marcaram presença junto ao portão do Estádio Municipal de Braga.

Meio milhar de adeptos coloriu a parte mais elevada da freguesia de Dume, a tal do famoso S. Martinho que evangelizou os suevos e que pode servir também de padroeiro nesta 5ª final da Taça de Portugal a disputar pelo Sp. Braga, vencedor da edição de 1966, há 50 anos.

"Honrem a cidade" e "vençam por nós" foram duas das tarjas colocadas à frente do autocarro por quem o esperou com o entusiasmo em níveis máximos para assim procurar contagiar os seus heróis para um grande feito. A fé dos adeptos do clube da cidade dos arcebispos é enorme e os jogadores corresponderam com acenos enquanto eram lançados fumos para darem colorido ao ambiente festivo que marcou a partida da equipa. O desejo de todos era só um: que o regresso possa ainda ser assinalado por uma festa maior. Uma festa que passará pelo centro da cidade, onde, não há muito tempo, o clube festejou a conquista da Taça da Liga, curiosamente contra o mesmo rival de amanhã num momento em que José Peseiro orientava os guerreiros. Mas quem ia ontem no autocarro era Paulo Fonseca. Check.

Por Eugénio Queirós e José Mário
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Sp. Braga

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.