Record

Guerreiros vão recorrer do castigo de um jogo à porta fechada

SAD minhota garante que irá "até às últimas instâncias"

• Foto: MoveNotícias
O Sp. Braga vai recorrer do castigo de um jogo à porta fechada, decretado pelo Conselho de Disciplina da FPF. A SAD dos arsenalistas emitiu um comunicado onde sublinha que irá "até às últimas instâncias na defesa da sua posição". A notificação foi recebida, refere o comunicado, com "surpresa", com o Sp. Braga a entender que a punição "é desconforme com os factos imputados".


Eis o comunicado na íntegra:

"A SC Braga, SAD confirma ter sido notificada, pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol, da punição de um jogo à porta fechada no Estádio Municipal de Braga.

A decisão, recebida com surpresa, é suscetível de recurso com efeitos suspensivos para o Pleno do mesmo órgão, ao qual esta sociedade vai apelar por entender que a pena aplicada é desconforme com os factos imputados à SC Braga, SAD, punida por ocorrências que no entendimento da Formação Colegial Restrita do Conselho de Disciplina atrasaram o reatar do encontro SC Braga x Sporting CP da época passada, estando em causa um hiato de 18 segundos.

A SC Braga, SAD irá obviamente até às últimas instâncias na defesa da sua posição, entendendo que a punição em causa fere o futebol no seu âmago, que são os adeptos e o direito de estes acederem aos espectáculos desportivos."
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Sp. Braga

Murilo na sua praia

Só disputou 42’ às ordens de Abel mas os adeptos sentiram que podia ter dado ajuda no Dragão
Notícias

Notícias Mais Vistas

M