Herói da Taça de 2016 regressa à titularidade

Marafona vai a jogo diante do FC Porto

• Foto: José Reis / Movephoto

A Taça de Portugal tem sido sinónimo de Marafona na baliza do Sp. Braga durante esta temporada. Amanhã não será exceção, altura em que Abel Ferreira voltará a dar a titularidade ao guarda-redes que foi o herói dos minhotos na lotaria dos penáltis da final da Taça de 2016, conquistada pelos arsenalistas.

Marafona, de 31 anos, tem sido o dono da baliza em todos os encontros referentes à Allianz Cup e à Taça de Portugal, por troca com Tiago Sá, que tem sido o habitual titular no campeonato. A experiência do internacional português dá garantias ao treinador do Sp. Braga, mas também a sua capacidade de defender penáltis, o que pode ser necessário nesta eliminatória de duas mãos.

Aliás, foi no desempate da marca de onze metros que Marafona brilhou, na final da Taça de Portugal de 2015/16, precisamente diante do FC Porto. O guarda-redes defendeu os penáltis de Herrera e Maxi Pereira (ambos ainda ao serviço dos dragões), assumindo papel decisivo para o triunfo por 4-2 nesse desempate, depois de um 2-2 no tempo regulamentar e prolongamento.

Marafona tem sido o segundo da hierarquia dos guardiões do Sp. Braga, tendo beneficiado da lesão contraída por Matheus em finais de agosto passado para conquistar um lugar no plantel, uma vez que esteve muito perto da saída na reta final do mercado de verão.

Nos quatro jogos que realizou esta temporada para a Taça de Portugal, Marafona sofreu dois golos, um diante do Praiense e outro nos quartos-de-final, frente ao Aves, o vencedor da prova rainha no ano passado. Amanhã voltará à ação, na tentativa de manter intacta a baliza bracarense.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Sp. Braga

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.