Record

Pablo mostra serviço e... golos

Reforço foi chamado para render o lesionado Raúl Silva e já valeu uma vitória em Chaves

• Foto: José Ponteira

Pablo está a agarrar-se com firmeza à oportunidade que surgiu de ser titular no Sp. Braga. Em época de estreia no emblema arsenalista, o defesa-central brasileiro, de 26 anos, foi opção inicial de Abel Ferreira nos últimos três desafios da Liga NOS e ainda suplente utilizado no encontro frente ao Zorya, em Braga. E na sua conta pessoal tem já dois golos no campeonato.

O reforço ex-Marítimo beneficiou da lesão do compatriota Raúl Silva, contraída nesse duelo da segunda mão da eliminatória com os ucranianos, para mostrar serviço à equipa técnica arsenalista. Fixou-se ao lado de Bruno Viana, contribuiu para o primeiro jogo sem golos sofridos, em Chaves, e até já demonstrou um talento que tanto caracterizou Raúl Silva na sua época de estreia no Sp. Braga: os golos. Pablo abriu a contagem no jogo dos Açores, frente ao Santa Clara –o tal duelo em que os minhotos desperdiçaram uma vantagem de três golos –, e foi o autor do tento que valeu a vitória tangencial (1-0) em Chaves, na última jornada do campeonato.

A este propósito, o tempo dirá se Pablo, de 26 anos, irá ou não superar a sua melhor marca de golos somados numa temporada – três tiros certeiros –, quando ainda era jogador do Paysandu\, clube brasileiro da cidade de Belém.

O camisola 14 mereceu a confiança de Abel, que só dispunha de uma alternativa, Lucas Cunha, promovido da equipa B esta temporada. A experiência que Pablo adquiriu ao serviço do Marítimo conduziu-o à titularidade, face à ausência de Raúl Silva. Este deverá recuperar da lesão muscular na coxa direita ainda durante o corrente mês de setembro, o que reabrirá a discussão pela titularidade no eixo defensivo. Nesse momento, Abel Ferreira terá a palavra.

Por André Gonçalves
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Sp. Braga

Murilo na sua praia

Só disputou 42’ às ordens de Abel mas os adeptos sentiram que podia ter dado ajuda no Dragão
Notícias

Notícias Mais Vistas

M