Rúben Amorim: «Cada treinador tem a sua qualidade, mas hoje tive a estrelinha»

Treinador do Sp. Braga mostrou-se satisfeito pelo triunfo "histórico" diante do FC Porto

• Foto: Peter Spark / Movephoto

Rúben Amorim realçou a entrada determinada no triunfo (1-2) do Sp. Braga diante do FC Porto, conseguindo mesmo chegar à vantagem nos cinco minutos iniciais, graças ao golo de Fransérgio.

Apesar do triunfo "histórico", o treinador dos minhotos afirma querer manter os pés no chão e apontar as baterias já para o próximo jogo, diante do Sporting, a contar para a 1.ª mão da 'final four' da Taça da Liga.

"Entrámos com a nossa forma de ser. O FC Porto empurrou-nos para uma situação que não estávamos habituados nos últimos jogos. Cada treinador tem a sua qualidade, mas hoje tive a estrelinha. Jogámos bem e adaptamo-nos bem. Tivemos sorte nos penáltis, mas também há que dar mérito ao Matheus. No segundo, tivemos a sorte do Soares falhar", afirmou o técnico bracarense, em conferência de imprensa no final do encontro.

Análise ao encontro

"Sabíamos que o FC Porto é uma equipa muito pressionante. Por vezes, o Bruno [Viana] virou o jogo sem olhar porque sabíamos que o Sequeira iria estar sozinho face à pressão aglomerada dos jogadores do FC Porto no centro do terreno."

Mudança de paradigma

"Não digo que está a nascer [um novo paradigma]. O Sp. Braga já teve outros treinadores que também ganhavam aos grandes. Lembro-me de jogar pelo Benfica e perdi, por exemplo. O futebol hoje em dia é verdade e amanhã é mentira. Sim, foi um resultado histórico, mas temos de estar preparados já para o jogo com o Moreirense, senão dizem que não conseguimos lidar com a pressão de vencer no Dragão."

Boicote dos adeptos

"Se alguém tem de ser responsabilizado já não sei, mas a vitória é para todos. Uns puderam cá estar, outros não e outros não vieram por opção. A equipa secundaria do Sp. Braga, o Sp. Braga B, amanhã [sábado] vai ter vários adeptos, o que é bom para eles. Certamente que para a semana, na Taça da Liga, voltaremos a ter."

Substituição de Raúl ao intervalo

"Para ser muito sincero, senti que mais uma falta, com o barulho do estádio, que o Raúl pudesse ter algum problema. Digo isto porque também o sei. Decidi colocar o Carmo, que depois também cometeu um penálti, mas também não era um jogo fácil para lançá-lo."

Prenda para o próximo aniversário do clube e palavras a Matheu no final

"Em relação à prenda isso deve ser encarado, mais uma vez, que o Sp. Braga já teve outros jogos importantes. Em relação ao Matheus é recuperar para terça-feira. Fez um grande jogo, como fizeram outros jogadores."

Palavra a Fernando Gomes, atual responsável pelo Departamento de Scouting do FC Porto

"Estamos disponíveis para o que for necessário", finalizou.

Por Sérgio Magalhães
1
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Sp. Braga

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.