Wilson Eduardo: «O meu pai está orgulhoso do que consegui»

Avançado revive estreia de sonho por Angola, poucos dias depois do falecimento do progenitor

• Foto: Peter Spark / Movephoto 

Wilson Eduardo reviveu a estreia de sonho pela seleção de Angola, em que apontou o golo da vitória sobre o Botsuana que, simultaneamente, selou o passaporte para a CAN. Foi um momento muito importante para o avançado do Sp. Braga, poucos dias depois do seu pai ter falecido, em Luanda.

"Foi um encontro difícil dado aquilo que aconteceu na semana anterior. Sempre sonhei com uma estreia assim, tal como o meu pai. Infelizmente ele já não está cá para ver, mas penso que está orgulhoso do que consegui, do que a seleção conseguiu e, como disse, a vitória é totalmente para ele", referiu, ao site do Sp. Braga.

O jogador, irmão do internacional português João Mário, assumiu a "alegria enorme" pelo golo decisivo. "O meu pai sempre me disse que fazer um golo numa estreia ia deixar uma marca muito grande, que iam falar ainda mais de mim. Felizmente consegui que isso acontecesse e claro que fiquei contente, porque sei que era uma coisa que ele queria muito. Mais feliz ainda por conseguir fazer o golo que nos deu a qualificação", referiu.

Agora a meta de Wilson Eduardo vai passar por ser novamente preponderante durante a CAN, que se realiza a partir de 21de junho próximo, no Egito. "Quem joga na frente tem de viver de golos e de assistências. É isso que eu tento fazer não só pela seleção, mas também pelo meu clube. Tento sempre ajudar com golos e é isso que vou tentar fazer na CAN. Sabendo que é uma competição onde Angola não participou nas últimas duas edições, sabendo que existem seleções africanas fortes, mas tenho esse sonho e vou tentar fazer o máximo número de golos", afirmou.

Por André Gonçalves
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Sp. Braga

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.