«A partir de agora ninguém nos segura»: a reação à vitória do Sporting frente ao Nacional

Record ouviu conhecidos adeptos do clube leonino

O Sporting repôs em seis pontos a vantagem sobre o FC Porto, que no sábado venceu o Famalicão (3-2), com um triunfo por 2-0 sobre o lanterna-vermelha Nacional. Os leões só aos 83 minutos, por Feddal, conseguiram derrubar a muralha defensiva do Nacional, entretanto reduzido a 10, com a expulsão de Alhassan, aos 67, e alcançaram a tranquilidade com um golo de Jovane Cabral, aos 90+2, de penálti. Record ouviu conhecidos adeptos do clube leonino sobre essa partida.

Miguel Maia, jogador de voleibol: "É um resultado inteiramente justo. O Sporting controlou sempre, ainda que tenha tido mais caudal ofensivo na parte final e a jogar contra 10. Mas mereceu a vitória e deu mais um grande passo rumo ao objetivo. Agora é pensar já na próxima final."

Domingos Castro, antigo atleta olímpico: “Estou sem voz... foi um sofrimento sem explicação. Mas o Sporting mereceu e este era, para mim, o jogo mais difícil. A partir de agora ninguém nos segura. Fomos campeões hoje. Os jogadores que fiquem serenos e continuem a jogar como têm feito.”


Gonçalo Fernandes, empresário: “O Sporting jogou de forma madura, mostrou que sabia o que fazer para ganhar este jogo sem nunca perder o rumo. Jovane entrou muito bem e mostrou duas coisas: irreverência aliada à maturidade, e é isso que levará esta equipa a festejar o título.”

O resumo do Sporting-Nacional: os golos, os casos e outros lances

12
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.