As conversações com Adán travaram devido à instabilidade diretiva no Sporting, e o guarda-redes já se encontra a estudar outros convites que recebeu nas últimas semanas.

Este processo estava a ser conduzido pelo administrador Guilherme Pinheiro que, entretanto, pediu a demissão da SAD leonina. O jogador está a acompanhar a situação no Sporting e começa a ter sérias dúvidas em relação ao convite que lhe foi endereçado pelos dirigentes leoninos.

O espanhol, de 31 anos, já recebeu outras ofertas economicamente mais rentáveis, mas que a nível desportivo, não eram tão aliciantes. Contudo, dada a confusão que se regista no Sporting , o atleta vacila agora em aceitar um convite que, há alguns dias, era o que mais o cativava.

Atento a todo o processo continua o Betis que já se mostrou disponível para negociar o passe do jogador. O clube andaluz pretende receber três milhões de euros neste negócio, e não se interessa se o dinheiro vem do Sporting ou de qualquer outro clube. Em Sevilha a prioridade é resolver rapidamente o assunto e, se não surgirem respostas de Lisboa, será dada prioridade a outros clubes.

Temas:

Adán