André Geraldes responde a Bruno de Carvalho: «Não vou perder tempo a alimentar demagogias»

Responsabilidade pelas dívidas dos grupos organizados de adeptos em causa

• Foto: Ricardo Nascimento

As acusações de Bruno de Carvalho delegando em André Geraldes e Guilherme Pinheiro a responsabilidade pelas dívidas dos grupos organizados de adeptos que, segundo o Correio da Manhã, ascendem a 688 mil euros, são desvalorizadas pelos visados.

Contactado por Record, o CEO do Farense garante que "não vai perder tempo a rebater ou alimentar demagogias pois o futebol português precisa de paz". 

André Gerlades ainda deixou uma palavra ao clube que representa atualmente. "O futuro passa por aqui. Estou focado no Farense e as gentes de Faro merecem essa minha dedicação", acrescentou.

Já o antigo dirigente da SAD, Guilherme Pinheiro, optou por não comentar as publicações de BdC.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0