Bruno de Carvalho ameaça demitir-se

AG foi suspensa: presidente e membros dos órgãos sociais abandonaram reunião

A carregar o vídeo ...
O momento em que Bruno de Carvalho admite a hipótese de se demitir

A Assembleia-geral do Sporting foi suspensa esta noite. Em causa está a apresentação de três requerimentos que visavam adiar a discussão e votação dos dois últimos pontos da ordem de trabalhos relativos à alteração de estatutos e regulamento disciplinar.

Bruno de Carvalho e os restantes elementos dos órgãos sociais saíram assim como a esmagadora maioria de sócios.

O presidente dos verde e brancos deixou a reunião sob ameaça de demissão, tendo sublinhado que não havia condições mínimas para continuar com a Assembleia Geral. Bruno de Carvalho saiu acompanhado de segurança, tendo aparecido mais dois carros de polícia nas instalações do Sporting, como medida de prevenção.

Segunda-feira deverá realizar-se uma reunião de direção para ser decidida a possibilidade de avançar com a demissão.

Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas