Associação de Treinadores manifesta "repúdio pelos atos não 'chatos', mas criminosos"

Comunicado fala em ações "inqualificáveis que não podem deixar de ser punidas"

• Foto: DR Record

A Associação de Treinadores emitiu esta quarta-feira um comunicado em que repudia "veementemente" os atos "não 'chatos'" (como foram definidos por Bruno de Carvalho) mas sim "criminosos" que tiveram lugar na Academia do Sporting na última terça-feira, e pede que os responsáveis sejam punidos.

Leia o comunicado na íntegra:

"A Direção da Associação Nacional de Treinadores de Futebol vem publicamente manifestar o seu mais veemente repúdio pelos atos não 'chatos', mas criminosos, contra a Equipa Técnica e restantes Profissionais do Sporting Clube de Portugal, que decorreram durante a tarde da passada terça-feira na Academia de Alcochete, deixando o apelo para que sejam tomadas com celeridade todas as diligências necessárias na identificação dos agressores, e subsequente responsabilização por atos inqualificáveis que não podem deixar de ser punidos.

Mais declaramos que ninguém está dispensado para que ações destas não se voltem a repetir.

Porto, 16 de maio de 2018"

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas