Bruno de Carvalho: «A casa do Sporting pode abanar, mas já não cai»

Relembra que quando assumiu a presidência estava "praticamente destruída"

• Foto: Paulo Calado

Com as eleições à presidência do Sporting agendadas para 4 de março, Bruno de Carvalho fez, esta quarta-feira, uma retrospetiva dos últimos quatro anos enquanto líder máximo do clube. Um período que, refere, permitiu reconstruir uma casa que estava "praticamente destruída". 

"Temos um projeto que temos percorrido desde há 4 anos. O lugar de Jorge Jesus, como sublinhei, não está minimamente em causa, independentemente de sermos ou não campeões. Temos uma sintonia muito grande. O projeto está muito bem pensado e definido, e ele faz parte. Felizmente, estamos num período onde, apesar de a casa abanar, já não cai. Coisa que, há quatro anos, estava praticamente destruída", começa por frisar Bruno de Carvalho, em declarçaões à Rádio Renascença, abordando também o clássico com o FC Porto, de sábado, que pode ver os leões aproximar-se, para já, da Liga dos Campeões.

"O Sporting nunca deita a toalha ao chão e estará na luta pelo título enquanto for matematicamente possível. Liga dos Campeões? Se alguém do Sporting, Benfica ou FC Porto disser que a não ida à Liga dos Campeões não pesa, está a mentir. Seria um revés. Relembro que quando chegámos ao clube, o Sporting não ia à Liga dos Campeões há anos. No meu mandato, só não fomos quando houve erros do mais grosseiro possível que nos afastaram da fase de grupos", atira.

Por Ricardo Granada
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.