Record

Bruno de Carvalho abandona Facebook: «Para mim acabou esta guerra surda»

«Que este meu afastamento seja a vossa felicidade», escreveu o presidente dos leões

A carregar o vídeo ...
O momento em que Bruno de Carvalho sobe ao relvado e é assobiado
E ao terceiro post desta segunda-feira, Bruno de Carvalho anunciou que se vai afastar do Facebook, terminando aquilo que diz ser uma "guerra surda". 

"Os males do mundo para os Sportinguistas são os meus facebooks... Quais? Aqueles que denunciaram os vouchers? Que conseguiram a consagração de Peyroteo? Os que denunciaram corruptos? Os que contribuiram para o fim dos fundos ou a introdução das novas tecnologias ao futebol? Aqueles que dei o corpo às balas por tudo neste clube? Os que exijo os nossos 22 Títulos de Campeões Nacionais? Os que com factos denuncio situações gravíssimas que se vivem dentro e fora do clube? Eu não quero mais enxovalhos em prol de quem não merece. Querem viver na ignorância e sem defesa à altura das necessidades do nosso clube?", pode ler-se na publicação.

E prossegue: "Não cedo um milímetro no meu amor a este clube, à sua defesa, mas para mim terminou de vez esta guerra surda de vos querer manter informados pelo meu único canal de informação próprio, o meu Facebook, e estou ansioso de ver esse exército pronto para a luta, essa militância inquestionável, onde desde rivais, políticos, comunicação social, Ministério Público, clubes, Liga, Federação entre tantos, vão-se estar nas tintas como sempre estiveram até chegar esta direção. Que este meu afastamento do Facebook seja a vossa felicidade... E eu que sempre julguei que seria o sermos campeões em tudo. Ingénuo".

"Vamos aos poucos ser novamente um clube submisso, calado, sem expressão e sem voz. Porque vamos perder a voz! A voz incómoda. A voz que se opõe com frontalidade contra tudo e contra todos. Que nunca terá o amor dos jogadores pois como disse Adrien 'defendo o Sporting sempre'. Vamos novamente perder todo o respeito que aos poucos estávamos a ganhar em alguma comunicação social e em muitos Stackholders. Isso vai morrer. Os jogadores e treinadores hoje estão aqui e amanhã ali. Não podem nunca com a conivência de adeptos 'ganharem' ao seu presidente. Agora quando quiserem sair é fácil, fazem um Instagram e recebem uma ovação de pé".

Leia o post na íntegra:

"A vida tem coisas engraçadas.

Ontem o Jaime Soares dava-me palmadinhas nas costas e desejava-me as melhoras e que hoje fosse um dia muito bom para mim e a "Joaninha". De repente o poder caiu à rua e já veio atraiçoar quem sempre o defendeu. E colocou em perigo coisas importantíssimas da SAD.

Os males do mundo para os Sportinguistas são os meus facebooks...

Quais?

Aqueles que denunciaram os vouchers? Que conseguiram a consagração de Peyroteo? Os que denunciaram corruptos? Os que contribuiram para o fim dos fundos ou a introdução das novas tecnologias ao futebol? Aqueles que dei o corpo às balas por tudo neste Clube? Os que exijo os nossos 22 Títulos de Campeões Nacionais? Os que com factos denuncio situações gravíssimas que se vivem dentro e fora do Clube?

Eu não quero mais enxovalhos em prol de quem não merece. Querem viver na ignorância e sem defesa à altura das necessidades do nosso Clube?

Se o Sporting CP fica mais forte desta forma, seja feita a vontade da maioria. Para mim ficará a missão de gerir o Clube da forma que acham melhor. Erradíssima mas o Clube é vosso.

Vamos aos poucos ser novamente um Clube submisso, calado, sem expressão e sem voz. Porque vamos perder a voz! A voz incômoda. A voz que se opõe com frontalidade contra tudo e contra todos. Que nunca terá o amor dos jogadores pois como disse Adrien "defendo o Sporting CP sempre". Vamos novamente perder todo o respeito que aos poucos estávamos a ganhar em alguma comunicação social e em muitos Stackholders. Isso vai morrer. Os jogadores e treinadores hoje estão aqui e amanhã ali. Não podem nunca com a conivência de adeptos "ganharem" ao seu Presidente. Agora quando quiserem sair é fácil, fazem um Instagram e recebem uma ovação de pé.

Não cedo um milímetro no meu amor a este Clube, à sua defesa, mas para mim terminou de vez esta guerra surda de vos querer manter informados pelo meu único canal de informação próprio, o meu facebook, e estou ansioso de ver esse exército pronto para a luta, essa militância inquestionável, onde desde rívais, políticos, comunicação social, ministério público, Clubes, Liga, Federação entre tantos, vão se estar nas tintas como sempre estiveram até chegar esta Direcção.

Que este meu afastamento do facebook seja a vossa felicidade... E eu que sempre julguei que seria o sermos campeões em tudo. Ingênuo.

Quinta-Feira lá nos veremos, com assobios mas sem insultos. Eu quero é que o Sporting CP ganhe o resto... o resto é isso mesmo, efêmero...

Viva o Sporting CP e o resto não interessa!"
Um final de contraste em Alvalade: Equipa junta com Jesus e Bruno de Carvalho amparado no banco
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas