Bruno de Carvalho: «Agradeço ao árbitro e ao VAR»

Presidente do Sporting enumera vários casos e lembra jogo do FC Porto

• Foto: Bruno Colaço

Bruno de Carvalho fez duras críticas ao trabalho da equipa de arbitragem do Sporting-Feirense (2-0) falando de várias situações do jogo.

"Queria agradecer ao Luís Ferreira, hoje deu-me algumas lições, é bom. Aprendi hoje que afinal uma falta antes de um golo é falta, não é golo. O que é simpático ter aprendido hoje porque pensava isso no jogo do FC Porto. Afinal aprendi hoje. Uma falta antes do golo, não é golo. Aprendi também que quando se dá um amarelo a um jogador que se espera o tempo que a equipa que provocou o amarelo se recoloque taticamente. É uma nova regra. A equipa coloca-se taticamente e aí é que apitamos para seguir. Na primeira tinha dúvidas, essa não conhecia. Também consegui perceber que quando há um lance de falta mas segue e toca num jogador da equipa contrária e a equipa volta a recuperar a posse, como foi o lance do Sporting, que o golo é anulável. Foram uma série de lições. Agradeço quer ao árbitro, quer ao VAR, estiveram muito bem. É assim que no futebol português devemos estar. Quando vemos os jogos dos 3 grandes este fim de semana tiramos grandes ilações porque é que no dia 17 os sportinguistas se têm de deixar de tretas e continuarmos este trabalho ainda mais forte, porque no futebol estamos sempre a aprender", afirmou na zona mista.

O presidente do Sporting agradeceu aos "quase 42 mil adeptos que acreditaram do início ao fim", destacando a importância do 12.º jogador.

Bruno de Carvalho disse ainda que a equipa já pensa no jogo com o Astana e apelou aos sportinguistas para "comparecerem em força no dia 17, na Assembleia Geral". "É muito importante que demonstremos a força do Sporting, para continuarmos nesta luta em todas as frentes", frisou.

69
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0