Bruno de Carvalho conta como é a sua vida depois de sair do Sporting... e até meteu música

Ex-presidente num lado mais descontraído no '5 para a meia noite'

• Foto: 5 para a meia noite Facebook

Convidado do programa da RTP '5 para a meia noite', Bruno de Carvalho contou como é a sua vida depois de no verão ter sido destituído do Sporting. Para além de DJ, o antigo presidente leonino aproveita para dedicar tempo à Sétima Arte e estar com a família.

"Aproveito para fazer algo que não fazia há 15 anos: umas férias, parar um pouco. Já sentia necessidade de estar com a minha família e descansar a cabeça. As pessoas têm uma noção estranha do que é ser presidente de um clube. É bom voltar a pensar em mim. Tenho mais de 4 mil filmes em casa, gosto muito. Gosto de tantos, podia dizer o Leão da Estrela como resposta da praxe. Gosto de 'The Walking Dead' porque é parecido com o futebol, a morder-nos uns aos outros e a fugir dos outros", brincou Bruno de Carvalho, num registo mais descontraído.

Questionado pela apresentadora Filomena Cautela sobre se ainda está chateado por ter saído do clube verde e branco, BdC lembrou que "a vida continua": "temos de chegar a um ponto e pensar no que aconteceu. A minha primeira reação foi normal, de ingratidão, mas depois a vida continua. Boa sorte para quem está a gerir o Sporting, para os sportinguistas... As coisas chegam a um ponto e há limites."

Entre vários jogos que realizou durante o programa, com outros convidados, no final Bruno de Carvalho foi convidado a meter música, na condição de DJ.

Do "momento fofinho" com um gato à função de DJ: a passagem de Bruno de Carvalho pelo '5 para a meia noite'

Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.