Bruno de Carvalho: «Se não formos expulsos amanhã, está preparada uma palhaçada para o sermos em breve»

Antigo presidente aponta o dedo à direção de Varandas

Depois de uma longa declaração, Bruno de Carvalho acedeu às perguntas jornalistas presentes, numa sessão de esclarecimento na qual acusou a direção presidida por Frederico Varandas de estar a fazer de tudo para o expulsar.

"Há quatro medidas anti-Bruno para a AG de amanhã. É uma AG ilegal e essa é a primeira medida. É uma votação que não tem qualquer controlo ou supervisão. A terceira medida foi o aluguer de várias carrinhas para que sócios antigos e com muitos votos para irem votar. E é por isso que não quiseram que as pessoas nos ouvissem e votassem. Têm já centenas de pessoas programadas para ir votar sem saber mininamente do porquê. Só sabem que têm de votar na minha expulsão. A quarta medida é um processo, que foi tornado público, que passa por, se estas três medidas falharem, existe a decorrer um novo processo de expulsão ligado a Alcochete. Um processo que decidiram suspender até que houvesse desenvolvimento no caso de Alcochete. Se não formos expulsos amanhã, está preparada uma palhaçada para o sermos brevemente", disse o antigo líder, que em seguida garantiu que, mesmo que seja expulso, não se irá calar.

Voltando à ilegalidade da AG, BdC considerou que esta reunião "não cumpre a Constituição" nem os "Estatutos de Regulamento do Sporting", apontando até quais as secções e artigos que se encontram a ser violados pela realização desta AG. "Não cumpre a lei, nem o regulamento do Sporting, logo é uma ilegalidade pura. E só hipócritas quanto o presidente do Conselho Fiscal e Disciplinar, o presidente da AG e o Varandas e seus pares é que não sabem de leis... Muito me aflige que um ex-bastonário da Ordem de Advogados e um juiz desembargador não percebam nada de leis e que sejam siplesmente os cães de Pavlov. Ouvem a sineta e salivam... No caso deles a sineta é o Bruno de Carvalho."

Sucesso do futebol nesta temporada?

"Ganhar taças não é suficiente. Se não teria tido o mandato mais espectacular de sempre. O nosso desígnio é sermos campeões. E ainda está para nascer uma direção que consiga num ano ganhar sete ou oito títulos de campeão como nós fizemos. No entanto não me ouviram puxar dos galões por isso. A maior parte dos portugueses são pouco exigentes, por isso somos considerados um dos países mais corruptos do Mundo..."

Por Fábio Lima
Deixe o seu comentário
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0