Bruno de Carvalho: «Sem presos ou arguidos»

Presidente do Sporting visa o rival Benfica

• Foto: Filipe Farinha

Bruno de Carvalho, antes de se deslocar ao estádio, esteve no Núcleo de Portimão, onde proferiu um discurso inflamado atacando o Benfica, e prometendo aos presentes o título na próxima época.

"No Sporting não há 173 jogos a ser investigados! Nenhum dirigente foi preso ou constituído arguido em casos como os emails, o E-Toupeira ou os vouchers. Estamos de cabeça erguida pois lutamos contra uma teia que deu muito trabalho a denunciar e a combater", afirmou à Sporting TV, onde ainda fez um balanço da temporada e apontou baterias à próxima temporada: "O objetivo é sempre ganhar. Para o ano não há desculpas. Este ano já eram poucas, mas merecemos ser campeões em todas as modalidades. Temo-nos esforçado e isso prova que o Sporting está unido e a crescer. Queremos ganhar tudo, e isso está a espantar muita gente."

Garantindo ainda que o clube "indica o caminho", o líder leonino ainda lamentou o facto de Fernando Gomes não ter desejado que as imagens do VAR sejam transmitidas nos estádios, uma realidade "aprovada pela FIFA".

Festejo no banco

O presidente, de 46 anos, voltou ao banco e vibrou com a vitória. Se no primeiro golo até foi comedido, já no segundo extravasou a euforia e acabou mesmo por celebrar efusivamente com Fábio Coentrão. No final fez questão de agradecer aos adeptos.

Por Alexandre Moita e Armando Alves
38
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.