Clássico entre Sporting e FC Porto terá novidades... atrás das balizas

Painéis publicitários serão animados com base no desenrolar do jogo

Matheus Pardini, diretor da empresa, esteve em Alvalade
Matheus Pardini, diretor da empresa, esteve em Alvalade

O encontro desta noite entre Sporting e FC Porto, o jogo grande da jornada 4 da Liga NOS, marcará o primeiro clássico da temporada e também será palco do início de uma ligação entre o clube de Alvalade e a empresa '4YouSee Arenas', que dará uma nova vida aos painéis publicitários que estão colocados atrás de cada uma das balizas. A ideia, segundo o fundador e sócio da empresa, passa por aumentar o número de anúncios apresentados durante a partida, fomentar a receita do clube neste período de indefinição por conta do coronavírus e também dar alguma dinâmica e animação consoante a fase do encontro e o resultado do mesmo.

"Durante o jogo podemos contar uma história, onde inserimos a marca na história. Dependendo do resultado do jogo, o anúncio é um ou outro. A comunicação acompanha a história do jogo. Se a equipa estiver a ganhar, faremos uma comunicação, se estiver a perder ou a empatar, faremos outra. É uma tecnologia que está atenta às redes sociais para saber como as pessoas estão a interagir. Considera vários fatores para criar uma comunicação mais personalizada. As marcas serão vistas pela televisão agora por causa da pandemia e o próprio clube terá um aumento de receita com isso", explicou Joaquim Lopes, ao UOL Esporte.

Na prática, esta é uma fórmula que tem como propósito diminuir o impacto da ausência do público nos estádios, o que naturalmente fez baixarem as receitas dos clubes, mas também mostrar aos adeptos que o clube não ficou parado. "Damos a possibilidade ao clube de ter uma receita adicional durante a pandemia. Houve algumas reduções, a maior delas é a falta de bilheteria durante a temporada. Foi muito bem aceite, porque eles [clube] querem, quando voltar o público, ter essa novidade para os adeptos. Não querem passar a impressão de que ficaram sentados, à espera que as coisas voltem ao normal".

Com inspiração assumida naquilo que se faz nos Estados Unidos, Joaquim Lopes explicou como tudo se processará. "Temos o conceito de momentos premium do jogo, como golo, uma chamada do VAR, um intervalo. Podemos fazer ações para gerar uma ligação especial com a marca. Imaginem que o Sporting está a vencer o jogo. Um dos patrocinadores do jogo é uma companhia aérea. No momento do golo, por exemplo, ela pode trazer uma mensagem assim: 'A companhia X leva-te mais longe'. Aí, no golo do Sporting, ela oferece 10% de desconto para os adeptos comprarem a passagem. Conseguimos gerar uma conexão da marca com a história do jogo. Se a equipa estiver a perder, a marca pode optar por não aparecer ou colocar uma mensagem mais neutra", explicou.

Por Fábio Lima
8
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.