Record

Coates: «Enfrentámos um rival com muita história e o ponto também serve»

"Tínhamos visto mudanças na Liga Europa. Sabíamos mais ou menos quem podia jogar", afirmou o central

• Foto: Reuters
Coates não escondeu que o objetivo do Sporting esta noite frente ao Arsenal era conquistar os 3 pontos, mas o empate "também serve".

"Sabíamos que ia ser um jogo muito difícil. Eles jogavam em casa, têm bons jogadores. Tínhamos de concentrar-nos muito, fazer o nosso jogo, tirar-lhes bola. Talvez nos tenha faltado ter alguma bola, mas importante é que somámos um ponto. Tínhamos o objetivo de somar os três, mas enfrentámos um rival com muita história e o ponto também serve", afirmou na flash-interview.

E prosseguiu: "Tínhamos visto mudanças na Liga Europa. Sabíamos mais ou menos quem podia jogar, tiveram o azar de se lesionarem jogadores [ndr: Welbeck]. Mas estivemos bem e há que felicitar a equipa, entregou-se ao máximo".

O central uruguaio sublinhou ainda que a equipa está a melhorar "jogo a jogo". "É o normal. O início de época é difícil, sabemos da qualidade que temos, há que confiar na equipa e vamos melhorar", disse.

Sobre a chegada de Marcel Keizer para o comando técnico da equipa, o jogador dos leões garantiu que o  treinador holandês ainda não é 'tema' no balneário. [Se já se fala no novo treinador:] "Não não, falamos com o Tiago, é o mais importante. O resto não é connosco, há que dar a confiança ao Tiago, que neste momento é o nosso treinador", concluiu.

Lesão grave no Arsenal, vermelho direto no Sporting: as imagens que contam a história do jogo da Liga Europa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas

M