De "burro" a "palhaço", do "tirem-me daqui" aos estatutos: as frases fortes do discurso de Bruno de Carvalho

Presidente do Sporting sem papas na língua na AG

• Foto: Luís Manuel Neves

As frases fortes de Bruno de Carvalho, presidente do Sporting, na AG deste sábado, que decorre no Multidesportivo de Alvalade:


"É um clima de conspiração constante. Dos rivais, já nem me importam. Mas as minas internas são muito perigosas. Ditadura, dizem eles, Hitler, norte-coreano, quer ficar para sempre no clube, usa os ecrãs do clube e usa o Facebook do clube, dá-se mal com os atletas, depois no vídeo vês que dá-se bem, é um palhaço..."

"Chegaram a perguntar-me se a venda do Jonathan Silva [saiu no último mercado de transferências para a Roma] era uma burrice, se dava direito a processo disciplinar, parece que andamos a brincar... Vamos dar aqui alguns exemplos: Pedro Madeira Rodrigues, está aqui (shiu!, manda calar)"

"Não podemos ter os estatutos como temos neste clube se queremos justiça"

"Hoje é o dia em que vou ser eu que dizer 'basta!'. Vamos ver se quem quer a 'lei da rolha', se é o presidente ou outras pessoas. Sobre isso falarei mais à frente, sem transmissão televisiva"

"[Propõe votação para verificar se os impropérios que lhe são dirigidos podem configurar infracções referidas nos estatutos]"Peço à mesa se durante os trabalhos é possível fazer essa votação. Desde chamarem-me drogado, a palhaço, tudo. Os sportinguistas dirão de sua justiça se isto deve configurar ou não causa de processo disciplinar. Quem define são vocês, nós só propomos, aqui é o órgão onde deve haver pluralidade e debate

"Um sócio que leve processo disciplinar pode ser punido… Isto é anti-constitucional… Vamos sair dos aziados para aqueles que pensam pela sua cabeça… Não se esqueçam que também vamos estar sob alçada deste regulamento disciplinar e deste estatutos. Diz lá que podemos fazer tudo? (...) Uma pessoa ofende, rouba o nosso clube, tem um processo, deixa de ser sócio, acabou o poder disciplinar. A pessoa passados uns dias pode fazer-se sócio outra vez… Tinham chegado aí ou não? É justo que um indivíduo faça mal ao clube, deixe de ser sócio e passados uns dias seja outra vez porque prescreveu?"

"O que pode levar a castigo é ambíguo? Chega de mentiras, chega de hipocrisias, chega de tretas! Querem um clube onde se possa fazer justiça ou não? Não querem, para mim é-me igual! Bolas! Não podemos ter os estatutos como estão se queremos ter justiça, agora façam como entenderem"

[Eventual suspensão passou para 8 anos] "Como é hoje? Suspensão até 1 ano ou expulsão. Justo. Comem todos por tabela, vai tudo expulso. O Conselho Fiscal e Disciplina tem hipótese de decidir perante a gravidade e não tem de ir logo para expulsão. Não querem? Deu-se mais hipóteses de as pessoas não serem expulsas. É aqui que se fala, não a dar entrevistas para os jornais como fizeram Rui Morgado, Abrantes Mendes"

"Não temos um milímetro de margem para errar"

"Somos o único clube que quer estar na liderança da verdade, da transparência. Ninguém veio aplaudir, vieram mandar poeira, ruído e lei da rolha"

"Tudo o que decidirmos aqui é para o próximo mandato"

"Depois de alguém andar a dizer que pagava, não pagava, pagava, não pagava, depois negociava os custos com a comunicação social e não com o Sporting, propomos fazer uma auditoria às contas do clube em operação que não ultrapassará os 100 mil euros"

"Somos a única direção nos últimos 10 anos a dar património ao clube! A única! Já construímos um pavilhão ao clube! Nenhum terreno é um baldio! Tudo é possível de aproveitar! Vamos fazê-lo e ganhar dinheiro para o clube! Onde estavam os campeões do teclado nos últimos 20 anos?"

"Quero aqui ficar, enquanto achar que sou uma mais-valia para o clube. Querem que saia? É hoje! Tirem-me daqui!"

"Como associado do Sporting só quero responsabilização"

[Autorização para negociar concessão a terceiros] "Era o morro que não interessava para ninguém (...) Temos uma proposta ainda não firme, mas que nos parece com pernas para andar. A nível de valor de mercado é magnífico. Valor fixo entre 70 a 100 mil euros anuais e percentuais ganhos. O prazo do direito de superfície será de 20 anos, 10 iniciais mais 10 de opção do concessionário, face ao investimento que vão ter para construir as infraestrutras. Vai ser um drama… Mais valia ser um morro. De certeza que é um plano deste presidente e desta direção para ficarem no clube para sempre. Tem de haver alguma na manga… Eu não sei se aprovava isto sinceramente, dar património ao clube…. Medida razoável, sinceramente"

"Somos a única direção que teve um mandato sempre positivo no clube e na SAD"

"Ai, e os grupos… Lei da propriedade industrial. O que é pretendido é que não haja uso abusivo do nome do Sporting. Deriva da lei, constitucionalistas. Façam os grupos todos para chamar Cornélia à minha mulher, para me chamarem filho da luta. Façam os grupos todos mas não podem usar o nome do Sporting, está protegido pela lei"

[Orçamento] "Vocês deram-nos a liberdade de podermos ter um orçamento e gastar mais 10% desse orçamento sem vos prestar cavaco… Não! Nem um tostão a mais! Qualquer tostão a mais tem de vir a AG. E ninguém falou nisto! Aziados! Não temos um milímetro de margem para errar. Devolver o Sporting aos sportinguistas, é isso que nós queremos"


Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.