Record

Dimas assinou pelo Marselha

DEFESA JÁ TREINOU COM NOVOS COLEGAS

Emprestado pelo Sporting, até ao final da época, o esquerdino quer ajudar os marselheses, mas pensa no futuro: "Se jogar bem aqui, as minhas hipóteses de ir ao Mundial são maiores"
Dimas assinou pelo Marselha • Foto: Paulo Calado
DIMAS assinou ontem, ao final da tarde, o contrato que o vai ligar ao Olympique de Marselha, nos próximos seis meses. O clube francês, refira-se, tem direito de opção no final da temporada, caso se mostre interessado em contratar, a título definitivo, o jogador.

Depois de se ter reunido com os dirigentes do clube de, Tapie logo pela manhã, o defesa-esquerdo treinou-se à tarde com os seus novos companheiros, nas instalações do clube gaulês, e, no final dos trabalhos, oficializou a ligação aos franceses.

O Sporting não recebe contrapartidas financeiras pelo negócio, até porque ficou acordado que seria o clube onde joga Delfim a assumir na totalidade os ordenados do defesa-esquerdo.

Dimas: "Quero relançar carreira"

Depois da assinatura de contrato, Dimas referiu que "a transferência é muito importante", referindo-se ao O. Marselha como "um grande clube europeu." "Quero relançar a minha carreira", acrescentou o futebolista, em declarações ao sítio do clube.

Disposto a jogar já amanhã, frente ao Monaco (o O. Marselha debate-se com alguns problemas na defesa), Dimas traçou as suas metas mais imediatas: "Estamos no décimo lugar e penso que poderemos fazer uma boa equipa, com os jogadores que estão a ser contratados. Neste momento, o meu principal objectivo é ajudar o Marselha a fazer um bom campeonato. Se jogar bem aqui, as minhas hipóteses de ir ao Campeonato do Mundo são muito maiores."

O ex-sportinguista esclareceu ainda que, apesar de ser esquerdino, pode "jogar no meio da defesa, caso o treinador precise", garantindo ainda que a sua adaptação será boa, até porque conhece alguns jogadores.

"Conheço bem o Runje e o Van Buyten, ex-jogadores do Standard Liège, onde também estive, o Delfim e também os brasileiros. Será bom para a minha adaptação e são pessoas que podem ajudar-me", finalizou.

Mais um leão em Marselha

Dimas vai reencontrar o ex-companheiro Delfim na equipa de Marselha, embora não sejam estes os únicos elementos com ligação ao Sporting que já representaram o clube gaulês.

De facto, o goleador argentino Hector Yazalde, falecido em Junho de 1997 e a quem pertence o máximo de golos marcados em apenas uma temporada no campeonato português (46 tentos em 73/74), marca que lhe permitiu também obter a Bota de Ouro como melhor marcador na Europa, jogou no conjunto de Marselha após a saída de Alvalade.

Bem mais recente é a passagem de Paulo Futre pelo futebol francês, numa altura em que o clube vivia forte agitação, motivada pelos actos ilícitos que conduziram o antigo presidente, Bernard Tapie, à cadeia. Na mesma altura, Rui Barros também vestiu a camisola, embora a presença desta dupla portuguesa tenha sido efémera perante a turbulência que levou o clube ao escalão secundário.

Tendo jogado no Marselha, Eydelie veio mais tarde para Lisboa com presença no Benfica marcada pela discrição.
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas

M