Figo diz que Jorge Jesus merece "um voto de confiança"

Antigo jogador do Sporting defende atual treinador dos leões

• Foto: Pedro Simões

O ex-futebolista Luís Figo defendeu esta quinta-feira que o técnico do Sporting, Jorge Jesus, merece "um voto de confiança", embora assinalando que "a vida de treinador despende dos resultados" e que os do clube leonino não têm sido brilhantes.

"É uma pessoa que aprecio, tem feito trabalhos fantásticos nos anos recentes. Por isso, acho que há que lhe dar um voto de confiança", disse Figo, à margem da apresentação e oficialização do projeto Casa Fundação Luís Figo, em Algés.

Apesar de acreditar na conquista do título nacional, mesmo reconhecendo que é um objetivo dificultado pelo facto de o Sporting depender de terceiros, o antigo jogador dos leões lembrou que "a vida de treinador não é fácil e depende dos resultados e da paciência que os clubes e as direções possam ter".

"Cada parte da estrutura terá a sua responsabilidade tanto nas vitórias, como nas derrotas", sustentou Figo, desvalorizando as críticas às contratações sportinguistas para esta época, notando que "há jogadores que se adaptam mais rapidamente e outros que demoram um pouco mais".

O antigo internacional português, designado melhor futebolista mundial em 2000, descartou a possibilidade de apoiar qualquer candidato à presidência do clube nas eleições de 4 de março - para já resumidos a Bruno de Carvalho e Pedro Madeira Rodrigues -, mas admitiu ter uma "excelente relação" com o atual presidente.

"Tenho coincidido com ele [Bruno de Carvalho] várias vezes. Considero-o um amigo que tenta zelar pelos interesses do Sporting. Espero que quem esteja à frente do Sporting consiga que se concretizem os objetivos do clube", concluiu.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.