Jorge Jesus: «Se hoje sou conhecido no Mundo não é pelos títulos em Portugal»

Treinador lembra importância dos desempenhos europeus para ele e para o Sporting

• Foto: Paulo Calado

Jorge Jesus desvalorizou o mau estado do relvado do estádio que amanhã vai acolher o Viktoria Plzen-Sporting, lembrando que haverá também dificuldades por força da forma de atuar do adversário. O treinador lembrou ainda a necessidade de o Sporting chegar aos quartos-de-final da Liga Europa, pelo reconhecimento que tal trará ao clube, e garantiu que não vai defender o 2-0 de Alvalade.

Relvado do Plzen não está em condições

"Não é o nosso problema número 1. Não tive oportunidade de observar o relvado. Vamos ter mais dificuldades do que em
Jorge Jesus: «Relvado não é o nosso problema número um»
Lisboa. O facto de termos ganhado em Portugal por 2-0 foi com qualidade. O Plzen tem 10 jogadores internacionais, dois pontas-de-lança que jogam na seleção da República Checa. O facto de o campo não estar em boas condições não tem problema, eles fazem jogo direto. Mas temos de nos adaptar. Eles vão colocar um jogo agressivo, direto e de muito contacto. O nosso corredor central tem de estar muito forte para anular o ponto principal deles."

Estratégia que o Sporting vai adoptar

"Não tenho dúvidas que vão apresentar dois pontas-de-lança. Este treinador tem muita experiência. Tem uma ideia de jogo enquadrada com as características destes jogadores do Plzen. Será sempre uma equipa à procura de muito cruzamento, que procura ter ideias posicionais para que o jogo seja difícil ao adversário para referenciar. André Pinto vai jogar, não há outro. Se há coisas boas que ele tem é que tem 1,94m, forte individualmente nesse aspeto. Vamos tentar anular esta ideia de jogo. Umas vezes vamos conseguir, outras não. O que é preciso é que a equipa nunca se perca posicionalmente. Mas nós focamo-nos nas nossas ideias: queremos arranjar condições para marcar. Não vamos pensar que temos dois golos de avançao e pensar em defender o resultado. É como se estivéssemos a começar o primeiro jogo."

Final da Liga Europa está mais perto?

"[Risos) Se formos passando, claro. A seguir vêm os quartos-de-final. É uma prova com muito prestígio, a partir dos 'quartos' é ao nível da Liga dos Campeões. Se hoje sou conhecido no Mundo não é pelos títulos em Portugal, é por ter chegado a meias-finais ou finais da Liga Europa."

Piccini está em condições?

"Não treinámos ainda, vou ver o que ele nos pode dar. Se nos der boas indicações de certeza que vai entrar no jogo. É forte no jogo aéreo. Mas fisicamente é possível que não esteja a 100 por cento."

Jorge Jesus: «O Sporting precisa de ser um clube conhecido na Europa»
Mourinho e Paulo Fonseca foram eliminados. Se Jesus seguir em frente é o único português em prova

"Tem sabor especial do ponto de vista coletivo. Vi os dois jogos. Estava a fazer muita força pelo apuramento deles. Se o Sporting passar a eliminatória, é importante porque precisamos também de pontos para o ranking. É tão importante para os jogadores como para o clube. Sporting tem de ser conhecido na Europa e nos últimos anos tem passado ao lado. Só se consegue na Liga Europa ou na Liga dos Campeões. Espero que o Sporting possa ter mais uma jornada europeia de exaltação.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.