Juventude Leonina acusa PSP de cobardia

Claque garante que adeptos apenas defendiam a sua sede

• Foto: Vasco Neves
;

A Juventude Leonina, claque reconhecida do Sporting, emitiu esta terça-feira, na página oficial no Facebook, um comunicado no qual apresenta a sua versão dos acontecimentos da madrugada de segunda-feira, após a chegada da equipa leonina ao Estádio José Alvalade, e que terminou com uma carga policial.

"A Juventude Leonina não se renderá", assegura o comunicado, que começa por "repudiar e lamentar a atitude das forças, que deveriam ser de segurança pública, mas, ao invés, espalharam o caos em Alvalade, agredindo, espancando e trancando adeptos do Sporting e da Juventude Leonina no interior da sua sede".

O documento assegura ainda, que aqueles que ficaram trancados "estavam em Alvalade, já depois da receção à equipa, para defender aquilo" que lhes pertence, "levando com very lights e outros objetos arremessados por adeptos do Benfica, que ali se deslocaram com o único intuito de provocar e vandalizar" as instalações da claque.

"A Juventude Leonina mostra-se solidária com os seus elementos brutalmente agredidos pela polícia, que mais uma vez, usa a sua farda e os seus bastões, para de forma cobarde, em muitos dos casos de 20 para 1, espancar e agredir as pessoas que apenas se limitaram a defender o que é seu, enquanto os verdadeiros criminosos andam por aí a passear", argumenta a direção da claque.

Por João Lopes
46
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.