Leões perdem recurso no TAD sobre os danos na Luz em 2013

Tinham sido condenados a pagar mais de 58 mil euros ao Benfica

• Foto: Vítor Mota

O Sporting perdeu no Tribunal Arbitral do Desporto a ação de recurso que interpôs para não pagar os danos e prejuízos verificados no Estádio da Luz, após o jogo entre Benfica e Sporting para a Taça de Portugal em 2013, que os encarnados venceram por 4-3 no prolongamento.

Após processo disciplinar, o Conselho de Disciplina da FPF condenou, a 14 de abril do corrente ano, o Sporting ao pagamento de 58.836,4 euros pelo que se passou a 9 de novembro de 2013, naquele jogo da quarta eliminatória da Taça de Portugal.

O Sporting não aceitou a decisão e optou pelo recurso, para o TAD, que se pronunciou sobre a possível prescrição do procedimento disciplinar, sobre a eventual falta de fundamentação do acordão do CD da FPF e ainda sobre a suficiência da prova.

Todos esses aspetos foram considerados de forma desfavorável ao Sporting - ou seja não prescrição, correta fundamentação e prova suficiente, com o colégio arbitral a confirmar a decisão, com três votos a favor e um contra.

Tiago Rodrigues Bastos, árbitro designado pelo Sporting, foi quem votou de vencido, com a sua declaração de voto junta ao acórdao e fazendo parte dele.

Por Lusa
38
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.