Luís Dias anuncia adeus aos leões: «Foram 20 épocas maravilhosas»

Trabalhou em várias áreas da formação

• Foto: Facebook Luís Dias

Luís Dias, até agora coordenador técnico dos infantis do Sporting, anunciou esta terça-feira a saída do clube, tal como Record tinha avançado.

Numa mensagem divulgada nas suas redes sociais, Luís Dias fez um balanço do seu percurso nos leões, deixando agradecimentos ao clube por todos os bons momentos que ali teve.

Leia a publicação na íntegra:


"Fim de ciclo!

Foi um orgulho enorme estar 23 épocas ao serviço do futebol formação do Sporting Clube de Portugal...do velho Alvalade, à Academia e Polo-EUL.

3 Épocas como colaborador do Dep. de Recrutamento, onde entrei a convite do mestre Aurélio Pereira. 14 como treinador, onde comecei em 1998 pelos Escolas, terminando em 2012 nos Juniores. O Sporting deu-me a possibilidade de trabalhar com excelentes jovens talentos e isso permitiu-me ser campeão, como principal ou adjunto, em todos os escalões dos sub11 aos sub19 e obter 6 prémios da ANTF.

Dessas gerações que treinei, 33 jovens atingiram a equipa profissional do SCP e desses Cristiano Ronaldo, Nani, Rui Patricio, William, João Mário, Adrien e Cedric, sagraram-se campeões europeus em 2016 - cumprindo o desígnio dos fundadores do clube - "tão grandes como os maiores da europa" Recordo as 2 decisões mais difíceis mas felizes, contra ventos e marés - colocar o William sub15 a jogar nos sub17 e adaptar o Cedric a lateral direito - o tempo e a qualidade dos jogadores deram-me razão!

Nas 6 épocas de coordenador técnico do Polo-EUL, passámos por um período crítico 2013/14, onde tivemos que fazer mais com metade do orçamento, só possível devido á paixão e dedicação que todos os colaboradores revelaram - que orgulho, uma família EUL.

O Sporting foi pentacampeão do torneio da Pontinha com 5 gerações de jogadores e 3 treinadores diferentes, revelando a consistência do projecto. Melhor ainda, ver esta época, uma equipa de sub15 bicampeã nacional com equipa técnica e jogadores "made in" EUL.

Deixar um cenário estrutural muito melhor que encontrei, campos novos, balneários novos e garantia de permanência por 10 anos - foi difícil, mas está lá!

Foram 20 épocas maravilhosas. Agradeço ao Sporting e a Todos os que comigo colaboraram. Aos Sócios e Adeptos que tanto me apoiaram. Aos Jogadores que sempre deram o máximo e às suas Famílias que acreditaram em nós. Por último, recordo a minha maior derrota, em 2010 - perdi o meu Pai. As minhas maiores vitórias, em 2004 e 2006 - ganhei os meus Filhos!!

Obrigado Sporting Clube de Portugal".

12
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.