Madeira Rodrigues: «Benfica está atrapalhado com a questão dos e-mails»

Ex-candidato às eleições do Sporting aposta em entrada forte dos leões na próxima época

• Foto: Pedro Simões

Pedro Madeira Rodrigues espera um arranque forte por parte do Sporting na próxima época e 'aconselha' os leões a aproveitarem as fraquezas dos mais diretos rivais.

"Vamos ter de aproveitar a debilidade dos nossos adversários. Temos as nossas forças e é nessas que nos temos de concentrar, mas olhando para os outros, vejo um FC Porto muito debilitado. Não consegue fazer sequer uma contratação e saem jogadores chave. Do Benfica também saem dois jogadores chave e estão muito atrapalhados com esta questão dos e-mails, por mais que queiram dizer que não. É uma situação absolutamente escandalosa e que deixa marcas, também nos próprios adeptos, e podemos aproveitar isso. E para aproveitar isso, é necessário um arranque forte", afirnou à Rádio Renascença o candidato derrotado nas últimas eleições do Sporting.

Para o empresário, fundamental mesmo é "conseguir começar bem a época". "O que vejo é um Sporting com enorme expectativa, todos nós estamos com grande expectativas. (...) Conhecendo a personalidade da dupla Jorge Jesus e Bruno de Carvalho, o que sentimos é que a corda pode esticar se as coisas não começarem bem. Vamos pensar que vai começar bem, que ambos falem o menos possível e que todos estejamos unidos para apoiar o Sporting", precisou.

Contratações cirúrgicas

Madeira Rodrigues abordou igualmente o plantel leonino para 2017/18, aplaudindo a forma como está a ser construído. 

"Há uma coisa boa em relação ao ano passado, as contratações foram feitas de forma mais atempada. Há uma coisa má, que é a revolução no plantel, que é hábito desde que Bruno de Carvalho chegou. Mas vamos acreditar que desta vez tivemos as chamadas contratações cirúrgicas e que estes oito jogadores que já chegaram vão ser muito úteis para o nosso clube", afirmou.

E concluiu: "O que mais estranhamos é o facto de termos apostado tanto em Bryan Ruiz, no Marvin, no Schelotto, numa fase da época quando já não estávamos a lutar por nada. Era o momento de lançar jovens. Se não íamos contar com esses jogadores, porquê insistir neles? Isso é que me causa alguma estranheza".

24
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.